A Gratidão Transforma a Sua Vida

ELIMINE DE SUA VIDA O HÁBITO DE RECLAMAR. É A GRATIDÃO QUE VAI TRANSFORMAR A SUA VIDA!


A gratidão é uma das mais poderosas ferramentas para elevar a vibração que você pode praticar.

Viver lamentando da vida e reclamando das pessoas e situações a sua volta não vai ajudar em nada.
‌

Quem vive lamentando está gerando uma energia contrária ao sucesso e à felicidade.
‌

Ser grato pode ser uma ferramenta poderosa para transformar a sua vida.

Somos um corpo energético, cada molécula do corpo humano na verdade é uma vibração de energia. O átomo quando muda o seu estado, está absorvendo e emitindo frequências eletromagnéticas. Hoje já se sabe que diferentes estados de emoção, percepção e sentimentos resultam em diferentes frequências eletromagnéticas.
‌

Reclamar da vida e dos outros, causa insatisfação geral e cria um campo magnético na mesma frequência, atraindo pessoas e situações que trazem mais insatisfação e desconforto. Assim trabalha o universo, pois traz em retorno aquilo que emitimos.
‌
Elimine de sua vida o hábito de olhar o lado ruim das pessoas e das situações. É possível que, hoje, você veja seus obstáculos e tenha se tornado um especialista em reclamar e não em agradecer. Por isso, não consegue deixar de falar da crise financeira, das pessoas que o machucam e das frustrações da vida.
‌

Ser grato auxilia a reduzir o estresse, a ansiedade e a depressão. Ameniza as situações adversas, deixando-as mais leves, além de provocar o sentimento de valor ao que se tem, e menos frustração pelo que não tem.

Quando nos concentramos no que nos falta, nós criamos bloqueios e limitações. Ficamos aprisionados pela vibração da nossa energia negativa. Como resultado, nós atraímos o que pensamos, o que neste caso é a negatividade.
‌

Todos nós temos problemas. O que faz a diferença é a forma com que lidamos com eles
Comece a observar as pequenas coisas a sua volta, muitas delas são fundamentais para sua sobrevivência. O ar que você respira, a água, o sol, a chuva, o dia, a noite, etc. Você já agradeceu por isso hoje? Não fique esperando acontecimentos espetaculares para sentir gratidão, seja grato pelas pequenas coisas do seu dia a dia.

A gratidão torna a vida mais alegre, agradável e gloriosa. E ela precisa ser cultivada e expressa, mesmo em situações aparentemente desfavoráveis.

Mesmo que a nossa volta pareçam existir milhares de motivos para reclamações, devemos olhar por outro foco e assim encontrar motivos para ser gratos.
‌

A gratidão é uma das mais poderosas ferramentas para elevar a vibração que você pode praticar. Um exercício fundamental para o seu crescimento é ser grato por pessoas e situações em sua vida que o tiram do sério e o irritam. Descubra por que irritam tanto. Considere a possibilidade de que eles podem estar agindo como um espelho para mostrar aspectos de si mesmo que precisa mudar.
‌

O que nós precisamos saber é que todos temos potencial, inteligência, energia e capacidade para sermos felizes. Mas precisamos dar os comandos corretos para nossa mente, para que ela possa acionar nossos talentos mais apropriados em cada situação, tornando-nos o mais eficientes, mais plenos, mais inteiros em cada um dos projetos a que nos propusermos realizar.
‌
Um dos principais ingredientes da felicidade é sermos grato por tudo aquilo que temos e pelas pessoas que enriquecem as nossas vidas.

SOU GRATA! (do blog o segredo)

#claudialinsoficial

Anúncios

A Magia #28 Dias de Gratidão

A Magia #28 Dias de Gratidão

#dia15 – Cura dos relacionamentos

Se você está passando por um relacionamento difícil, seja ele com seu parceiro, filho, irmão, amigo…ou se você guarda algum ressentimento de relacionamentos passados, esse exercício fará uma cura em você!

“Agarrar-se à raiva é como segurar um carvão em brasa com a intenção de jogá-lo no outro, porém, quem se queima é você”
Hoje, vamos transformar esse carvão em uma pepita de ouro por meio da gratidão.

Escolha um relacionamento problemático que deseja melhorar da sua vida atual ou alguém do passado.
Faça uma lista de dez coisas pelas quais se sente grato por essa pessoa. Relembre a história de vocês e escreva o que essa pessoa tem de melhor ou o que esse relacionamento trouxe de bom para você. Esforce-se e encontrará algo de bom. Não leve seus pensamentos para saber quem estava certo ou errado, apenas procure o positivo da relação.
Escreva assim: _____(Nome da pessoa)______, sou grato por_____________.
Veja esses exemplos:
“John, sou grata por você continuar sendo um ótimo pai para nossos filhos”
“John, sou grata pelos ótimos momentos que tivemos juntos e foram muitos!”
Ao terminar de escrever as dez coisas você deverá já se sentir melhor. O objetivo é não ter mais pensamentos negativos por essa pessoa. Repita esse exercício, se for preciso, até não ter mais sentimentos negativos por essa pessoa.

Enumere suas bênçãos (10 coisas pelo qual é grato – lembre-se de colocar o porquê é grato – releia a lista e diga OBRIGADO, OBRIGADO, OBRIGADO) conforme o #dia1
Antes de dormir, pegue sua pedra e agradeça pela melhor benção da sua vida.
Escolha um relacionamento problemático que queira melhorar.
Faça um a lista por escrito de 1o coisas relacionadas à pessoa que escolheu e escreva: ……(nome da pessoa)…, sou grato por ….(o quê?)…

#claudialinsoficial

A Magia #28 Dias de Gratidão

#12. Pessoas que mudaram sua vida

Quantas pessoas já te ajudaram, deram conselho ou apoiaram em algo?
As vezes, uma palavra de alguém pode mudar completamente o rumo de nossas vidas, não é mesmo?
Eu poderia citar tanta gente que me ajudou, meu pai, minha mãe, irmãos, amigos, professores e até alguns “estranhos”…o fato é que todos nós temos uma pessoa que nos ajudou em algum momento.
No exercício de hoje você vai pensar nas pessoas que causaram impacto em sua vida. Em um momento de tranquilidade, sente-se e escolha 3 pessoas extraordinárias que mudaram sua vida. Concentre-se em uma delas e imagine que ela está em sua frente e diga em voz alta por que é grata a ela e como sua vida mudou depois da sua ajuda.
Faça isso com as três pessoas que escolheu.

Enumere suas bênçãos (10 coisas pelo qual é grato – lembre-se de colocar o porquê é grato – releia a lista e diga OBRIGADO, OBRIGADO, OBRIGADO) conforme o #dia1
Antes de dormir, pegue sua pedra e agradeça pela melhor benção da sua vida.
Encontre um lugar tranquilo e escolha 3 pessoas que de alguma forma mudaram sua vida.
Concentre-se em uma de cada vez e diga em voz alta o motivo de sua gratidão explicando como elas afetaram o rumo de sua vida.

#claudialinsoficial

A Magia #28 Dias de Gratidão

A Magia #28 Dias de Gratidão

#9 DINHEIRO ll

Ter gratidão é ser rico, lamentar-se é ser pobre!


Quanto mais grato for pelo dinheiro que tem, mais riqueza receberá.
Vamos logo ao exercício.
Você vai substituir uma queixa, que o torna mais pobre, por gratidão, que o trona mais rico.
Queixas podem ser com palavras, pensamentos, pensamentos invejosos, insegurança.
Se você não tem dinheiro suficiente, a última coisa em que pensa ser grato são as contas. Mas é isso que deve fazer, agradecer pelas contas!
Para ser grato pelas contas, pense nos benefícios do bem ou serviço que está sendo cobrado. Por exemplo, se está pagando um conta de luz, seja grato pela energia que aquece seu chuveiro, que liga seu computador ou TV. Se estiver pagando uma conta de uma roupa, pense o quanto se beneficiará com ela. Se estiver pagando uma conta de colégio, pense o quanto seu filho está sendo beneficiado por essa educação.
Todas as vezes que for pagar uma conta, sinta gratidão pelo serviço ou bem e escreva em todas as contas: “pago-obrigada!” e faça isso com pelo menos 10 contas que já foram pagas.
Nas contas que ainda não pagou, escreva: OBRIGADO PELO DINHEIRO, mesmo que ainda não o tenha para pagá-las e seja grato.

Enumere suas bênçãos conforme o #dia1
Antes de dormir, pegue sua pedra e agradeça pela melhor benção da sua vida.
Pegue todas as contas a pagar, agradeça e escreva – MUITO OBRIGADA PELO DINHEIRO
Pegue 10 contas já pagas e escreva “pago-obrigada!” e sinta-se grato por tê-las pago!

Enumere suas bênçãos conforme o #dia1
Antes de dormir, pegue sua pedra e agradeça pela melhor benção da sua vida #2
Pegue a foto de 3 pessoas importantes para você, escreva cinco coisas pelas quais é grata por elas e ao longo do dia, exercite sentimentos de gratidão olhando para as fotos. #3
Agradeça pelo seu corpo e a sua saúde. Escreva em um papel “A DÁDIVA DA SAÚDE ME MANTÉM VIVA!” e carregue-o com você para que a repita ao longo do dia. #4
Agradeça por todo o dinheiro que recebeu ao longo da sua vida. Escreva em uma nota de dinheiro “OBRIGADA POR TODO O DINHEIRO QUE RECEBI AO LONGO DA VIDA!” #5
Quando estiver no trabalho, imagine que está sendo seguido por um gerente invisível que anota cada coisa pelo que você é grato em seu trabalho. Sempre que encontrar algo pelo qual quer ser grato, peça a seu gerente que o anote. Sua meta é encontrar o maior número de motivos no trabalho para agradecer. #6
Escolha um problema ou situação negativa. Faça uma lista de 10 coisas pelas quais se sente grato nesta situação. Ao final escreva – “muito obrigada, muito obrigada, muito obrigada, pela solução perfeita.”
Em caso de alguma queixa ou negatividade chegar em sua mente, pare-a e diga: “mas devo dizer que sou verdadeiramente grata por____________.” Complete com qualquer coisa pelo que é grato. #7

Antes de comer ou beber qualquer coisa no dia de hoje, reserve uns instantes para observar o que está ingerindo, todo o caminho que percorreu até chegar a você e diga: muito obrigada! #8
Pegue todas as contas a pagar, agradeça e escreva –
MUITO OBRIGADA PELO DINHEIRO
Pegue 10 contas já pagas e escreva “pago-obrigada!” e sinta-se grato por tê-las pago. #9

Celebrando Meus 41 Anos de Santo “Papai Bessen” ASÈ

Festejando 41 Anos de Papai Bessen, no dia 26 de Março de 2018

Kolofé Olorun Kolofé

Arrobobôi Oxumaré!

Muito obrigada por tudo!

Mais Por favor!

Axé!

Uma publicação sobre:

Oxumaré – O Orixá Serpente e Arco-Íris

O Orixá Oxumaré (também conhecido como Oxumarê ou Bessen) representa a cobra arco-íris, que traz as características do animal como a mobilidade, agilidade e destreza. Ele mora no céu e viaja através do arco-íris para a Terra. Além disso, ele representa a fortuna, abundância, prosperidade e riqueza que são realizações importantes para o seu povo.

Na língua iorubá (yorubá), falada por muitos povos na África, seu nome tem uma grafia diferenciada, Òsùmàrè. No Brasil, o Orixá é conhecido com representatividade masculina embora algumas pessoas o relacionem a Oxum. Porém, sua conexão com o universo feminino se dá através da sua irmã gêmea, Frequen e em diversas representações ele, como uma cobra, enrola-se ao redor do corpo dela para protegê-la.

Oxumaré representa a junção entre o masculino e o feminino, união que possibilita a existência da vida, a água e a terra, a mortalidade e a imortalidade e tudo o que é duplo, ambíguo e opostos que se complementam. Ele é uma grande cobra que envolve a Terra com a sua cauda e assegura a integração do planeta e a renovação do universo regendo as transformações.

Oxumaré é sincretizado a São Bartolomeu e homenageado a 24 de agosto. É o orixá que se mostra presente em cada mudança que fazemos em nossa vida.

Oxumaré, como todo orixá, tem seu lado divino e humano, mas é ainda mais intenso em brilho e mistério. Assim como a Fênix renasce das cinzas após arder em seu maior fogo, Oxumaré se mostra presente em cada mudança que fazemos em nosso comportamento sobre a vida e nos reflexos dessas mudanças quando reorganizamos o ambiente de trabalho ou de casa.

Oxumaré o Vidente

Diz sua lenda que, quando em vida terrena, Oxumaré previa tudo o que ia acontecer. Tão grande era seu poder que era impossível viver normalmente, por isso os deuses o afastaram dos homens e o permitiam retornar à Terra a cada três anos.

Por isso Oxumarê dá a seus filhos a capacidade de reflexão profunda e a visão de futuro dos grandes empreendedores, dando a alguns o poder da clarividência.

Às vezes, a ostentação da riqueza, do pote de ouro ao fim do arco-íris. A soma de paciência, determinação e ambição dão um caráter misterioso como o de Oxumaré aos seus filhos que têm este orixá de cabeça.

Acredita-se que os filhos de Oxumarê herdem, também, características andróginas e a alternância entre atividades tipicamente femininas ou masculinas, realizando ambas com muito esmero e sucesso.

O símbolo da sexualidade livre é o arco-íris e o orixá costuma ser associado aos movimentos GLS (gays, lésbicas e simpatizantes) e à luta de seus integrantes por reconquistar um espaço que lhes foi tomado pelo preconceito tão dominante atualmente.

Um de seus símbolos é o arco-íris, que dá passagem para o sol após a chuva e, em termos mais amplos, mostra-nos que temos a nosso alcance todas as cores, todas as ferramentas, para mudarmos nosso dia-a-dia para melhor.

Devemos aprender com ele a abandonar ideias velhas e inadequadas e sempre experimentar as coisas novas, sem medo de errar, pois esta é uma mudança constante e inevitável, presente em todo o universo e representada, também, pela serpente que às vezes engole a própria cauda, mas nunca cessa seu movimento em espiral, essencial a vida na terra.

São pessoas de temperamento fácil de lidar estando calmas, porém; se tornam terríveis quando com raiva, representando nesse estado a serpente, que vem trazendo o lado negativo de Oxumarê, o seu lado mais perigoso, que é a falsidade e a perversidade.

Neste banho de descarrego e oração vamos pedir a Oxumaré para livrar-nos das cargas negativas, trazendo esperanças e riquezas para nossos caminhos.

Banho purificador e oração com o axé do Senhor das riquezas

Banho de descarrego de Oxumaré

Oxumaré, em sua força renovadora pode nos auxiliar em nossa renovação do dia-a-dia, livrando-nos de cargas acumuladas que nos impedem de avançar em nossos objetivos e em nossa paz de espírito.

Uma das maneiras de nos beneficiarmos com seu poder renovador é através do banho de Oxumaré, que deve ser tomado a qualquer hora do dia, em uma quinta-feira dia consagrado a Oxumaré, a partir das 16 horas.

Ferva aproximadamente 3 litros de água, retire-a do fogo e enquanto se esvaem as ultimas borbulhas junte a ela um punhado de guiné e outro de levante, em seguida acrescente as pétalas de 3 rosas amarelas e um girasol.

Abafe bem e reserve, sem mexer, durante pelo menos 1 hora. Após este período mexa tudo e coe. Reserve as partes restantes para despachar posteriormente em um jardim ou vaso de planta.

Acenda uma vela branca e tome o banho do pescoço para baixo, deixando secar naturalmente sem enxugar . Vista roupas claras, preferencialmente brancas após este banho se puder.

Observação: Deixar a vela queimar até o fim depois de tomar o banho.

Reze com fervor para Oxumaré.

Oração a Oxumaré

Oração a Oxumaré, senhor da riqueza e clarividência.

Amado e Divino Pai Oxumaré, clamo por suas 7 luzes renovadoras dos nossos sentimentos e merecimentos!

Envie-nos luzes positivas para que sejamos instrumentos renovadores na vida do nosso semelhante e na nossa vida.

Dilua toda negatividade que vive em nosso íntimo, toda impureza e todo vício que carreguemos.

Envolva com suas cores vivas todos espíritos sofredores que de alguma forma estejam ligados a nós neste momento, para que eles sejam curados; dilua e renove neles os sentimentos positivos e a busca pela evolução rumo ao Divino.

Ilumine todo o planeta, traga as 7 cores aos que somente enxerguem a escuridão.

Livre-nos dos tormentos negativos, proteja-nos hoje e sempre em nossa caminhada evolutiva neste planeta abençoado.

Arrobobôi Oxumaré!

Oxumaré a cobra/arco-íris, orixá masculino, símbolo da continuidade e da permanência. Representa a riqueza e a fortuna. Rege o príncipio da multiplicidade da vida, transcurso de múltiplos e variados destinos.

Oxumaré é filho de Nanã e Oxalufã.

É o segundo filho de Nanã, irmão de gêmeo de Ewá e Omolú/Obaluaiê seu irmão mais velho, e Ossaim seu irmão mais novo, que são vinculados ao mistério da morte e do renascimento.

Pode ser representado pela serpente que morde a própria cauda. Por isso seus filhos usam colares de búzios entrelaçados formando as escamas de uma serpente que tem o nome de Brajá, usam também o Lagdigbá como Nanã e Omolú.

Ele é o senhor de tudo que é alongado. O cordão umbilical que está sob o seu controle, é enterrado, geralmente com a placenta, sob uma palmeira que se torna propriedade do recém-nascido, cuja saúde dependerá da boa conservação dessa árvore.

Sincretismo Religioso

Pelo sincretismo Oxumaré está ligado a São Bartolomeu, homenageado dia 24 de agosto

Oxumarê é sincretizado com São Bartolomeu.

Segundo fontes históricas, São Bartolomeu teria pregado o cristianismo até na Índia.

Outra tradição diz que o apóstolo morreu por esfolamento em Albanópolis, atual Derbent, Cáucaso, a mando do governador, tanto que na Capela Sistina ele é pintado segurando a própria pele na mão esquerda e na outra o instrumento de seu suplício, um alfange.

Homenageado pela igreja católica no dia 24 de Agosto.

Características dos filhos de Oxumaré

Seus filhos, assim como conta a lenda de Oxumarê, em sua maioria no início passam por muitas dificuldades, quase miseráveis, porém mais tarde, dando a grande volta em seu caminho, se tornando ricos, poderosos, e muitas vezes orgulhosos.

Porém, nunca se negam a ajudar quando alguém realmente precisa deles. E não raro, é ver um filho de Oxumaré se desfazer de algo seu, em favor dos necessitados, com a maior facilidade, contrapondo seu estado de orgulho e ostentação, a exibir sua riqueza. Nessa fase estão no arco-íris, a fase mais doce e sincera que possuem.

São pessoas de temperamento fácil de se lidar estando calmas, porém; se tornam terríveis quando com raiva, representando nesse estado a serpente, que vem trazendo o lado negativo de Oxumaré, o seu lado mais perigoso, que é a falsidade e a perversidade.

São pessoas pacientes e obstinadas na luta pelos seus objectivos e não medem sacrifícios para alcançá-los.

Tudo muda em suas vidas: os amigos, os romances, as cidades que moram. Gostam de mudanças e quando a fazem, se tronam radicais.

Podem desenvolver a bissexualidade, pois faz parte da característica deste orixá, que é 6 meses homem e 6 meses mulher, não que seus filhos tenham os dois sexos, mas que podem gostar e sentir atração por homem e mulher, de forma natural.

A filha de Oxumaré é do tipo mulher fatal, adora badalações, festas, jóias e tudo que é caro. Descontraída e muito divertida, sempre com alto astral ela vive em movimento constante. Qualquer prazer a diverte e por isto mesmo conquistar uma filha deste orixá é tarefa difícil. Geralmente são pessoas muito livres, não suportam serem controladas e não sentem o menor ciúme do parceiro.

Já os homens filhos do Oxumaré são fascinantes, aqueles que todos cobiçam em uma festa, mas são difíceis de conquistar. Sabem que marcam presença, discutem sobre qualquer assunto muito bem. Pelo sexo que é possível prender os filhos desse orixá que são muito livres e não gostam de parceiras ciumentas.

Culto a Oxumaré

Homenagem anual dia 24 de Agosto

Oxumaré-Bessém – O orixá da riqueza representado pelo arco-íris e pela cobra

Saudação: Arroboboi Oxumarê!
Cores: amarelo e verde, cores do arco-iris
Dia da semana: Terça-feira
Fios de conta e guias: brajá, lagdigbá
Comida: “Cobra” feita de batata-doce amassada e banana-figo frita em azeite doce.

Outra Oração a Oxumaré

Pai Oxumaré derrama sobre nós suas bênçãos com as 7 cores do divino Arco-Íris

Purificando nosso espírito com Vosso poder de restauração e transformação

Descarrega de nosso espírito aquilo que nos prejudica

Afasta os miasmas espirituais que nos sufocam em inveja e olho gordo

Transforma nossos caminhos para que encontremos a fortuna e o bem estar

Guiado pelas 7 cores de Vosso Divino Arco-Íris

E possamos evoluir e ajudar aqueles que necessitam de nós.

Arroboboi Oxumaré!

Axé Pai da Riqueza e Fama!

#claudialinsoficial

Rio de Janeiro, 26 de Março de 2018

Festejando Aniversário de Santo

41 Anos de Santo

A Magia #28 Dias de Gratidão

A Magia #28 Dias de Gratidão

#5 Dinheiro

Se está faltando dinheiro na sua vida, entenda que sentimentos de preocupação, inveja, decepção e insegurança sobre ele, não lhe trarão mais dinheiro, pois esses sentimentos nascem pela falta de gratidão pelo dinheiro que você tem. É preciso afastar esses pensamentos negativos e se sentir grato pelo que tem, para que sua situação financeira melhore magicamente.
Sentir-se grato pelo dinheiro quando temos pouco é um desafio para qualquer um!
Vamos a primeira parte do exercício de hoje:
Sente-se e reserve um momento para essa atividade. Lembre-se da sua infância, quando não tinha dinheiro nenhum e mesmo assim, o dinheiro estava presente porque alguém pagou pela sua comida, você tinha uma casa para morar, você foi à escola, talvez tenha feito viagens, tenha feito festas de aniversário, tinha roupas, ia ao dentista, ao médico, assistia TV, tinha brinquedos… A cada lembrança diga: Obrigado! Todas essas coisas custam dinheiro e você recebeu todas elas sem gastar um tostão. Seja grato por cada uma delas, pois quando conseguir sentir gratidão sincera pelo dinheiro que recebeu no passado, a quantidade do dinheiro do futuro aumentará.
A segunda parte da atividade é pegar uma nota de dinheiro e colar uma etiqueta com a frase: “OBRIGADA POR TODO O DINHEIRO QUE RECEBI AO LONGO DA VIDA!”
Carregue essa nota com você e durante o dia todo, em momentos alternados, pegue a nota e agradeça. Após esse dia coloque essa nota em um lugar visível para que lembre-se de agradecer continuamente.
ATENÇÃO: Quando perceber que irá reclamar da sua condição financeira, pergunte-se em voz alta: “Estou disposta a pagar o preço da reclamação?”
Qualquer reclamação pode interromper ou atrasar o fluxo do dinheiro.
Daqui para a frente, comprometa-se a agradecer toda a forma de dinheiro que vier até você: seu salário, um reembolso, um desconto, um presente…

Enumere suas bênçãos conforme o #dia1
Antes de dormir, pegue sua pedra e agradeça pela melhor benção da sua vida #2
Pegue a foto de 3 pessoas importantes para você, escreva cinco coisas pelas quais é grata por elas e ao longo do dia, exercite sentimentos de gratidão olhando para as fotos. #3
Agradeça pelo seu corpo e a sua saúde. Escreva em um papel “A DÁDIVA DA SAÚDE ME MANTÉM VIVA!” e carregue-o com você para que a repita ao longo do dia. #4
Agradeça por todo o dinheiro que recebeu ao longo da sua vida.
Escreva em uma nota de dinheiro “OBRIGADA POR TODO O DINHEIRO QUE RECEBI AO LONGO DA VIDA!” – leve-a com você e pegue-a ao longo do dia para agradecer. #5

Você Pode Curar Sua Vida

INTRODUÇÃO

Você pode curar sua vida para o meu marido Celso que se encontra hospitalizado na Suécia por conta de uma Pneumonia… Estamos de férias passeando e eis o que o destino nos preparou!

Resumo da filosofia de Louise Hay:

Somos todos 100% responsáveis por nossas experiências.

Cada pensamento que temos está criando nosso futuro.

O ponto do poder está sempre no momento presente.

Todos sofrem de culpa e ódio voltados contra si próprios.

Ressentimentos, crítica e culpa são os padrões mais prejudiciais.

A liberação do ressentimento pode remover até um câncer.

Quando realmente amamos a nós mesmos, tudo na vida funciona.

Devemos nos libertar do passado e perdoar a todos.

Devemos estar dispostos a começar a aprender a nos amar.

A auto-aprovação e a auto-aceitação no agora são a chave para mudanças positivas.

Cada uma das chamadas “doenças” em nosso corpo são criadas por nós.

SOMOS RESPONSÁVEIS POR NOSSA VIDA

O que pensamos sobre nós torna-se verdade para nós. Acredito que todos nós somos responsáveis, direta ou indiretamente, por tudo o que acontece em nossas vidas, desde o melhor até o pior. Cada pensamento que temos está criando nosso futuro. Cada um de nós cria suas experiências através dos pensamentos e emoções. Os pensamentos que temos e as palavras que falamos criam nossas experiências.

Criamos as situações e então abrimos mão do nosso poder culpando os outros pela nossa frustração. Nenhuma pessoa, nenhum lugar, nenhuma coisa tem poder sobre nós, pois “nós” somos os únicos pensadores em nossa mente. Criamos nossas experiências, nossa realidade e tudo o que há nela. Quando criamos paz, harmonia e equilíbrio em nossas mentes, os encontramos em nossa vidas.

Colocado de outra forma, nossa mente subconsciente aceita tudo que escolhemos para acreditar, mas as duas formas significam que o que acredito sobre mim e sobre a vida torna-se verdade para mim. E nossas escolhas sobre o que podemos pensar são ilimitadas.

O PODER UNIVERSAL JAMAIS NOS JULGA

Ele apenas nos aceita dentro do nosso próprio valor e depois reflete nossas crenças em nossas vidas. Se quero acreditar que a vida é solitária e ninguém me ama, isso é o que encontrarei em meu caminho.

Todavia, se estou disposto a abandonar essa crença e afirmar para mim mesmo: “O amor está em todos os lugares e eu sou amoroso e digno de amor”, mantendo-me firme nessa nova declaração e repetindo-a com frequência, ela se tornará verdade para mim. Então pessoas amorosas entrarão em minha vida, as pessoas que já estão nela tornar-se-ão mais amorosas em relação a mim e eu me encontrarei expressando amor pelos outros com facilidade.

FALSAS CRENÇAS

Se viveu com pessoas muito infelizes, medrosas, culpadas ou iradas, aprendeu muitas coisas negativas sobre voce e seu mundo.

Isso não é bom ou mau, certo ou errado. É apenas o que conhecemos dentro de nós como “lar”. Também temos a tendência de recriar nos nossos relacionamentos pessoais os mesmos relacionamentos que tínhamos com nossas mães ou pais, ou com o que existia entre eles. Pense quantas vezes voce teve uma amante ou chefe “igualzinho” à sua mãe ou seu pai.

Também nos tratamos da forma como nossos pais nos tratavam. Repreendemo-nos e nos castigamos da mesma maneira. Também nos amamos e nos encorajamos da mesma forma. Pode-se quase ouvir as mesmas palavras quando se presta atenção. Também nos amamos e nos encorajamos da mesma maneira se fomos amados e encorajados em crianças.

Somos todos vítimas de vítimas e de maneira nenhuma eles poderiam ter nos ensinado algo que não conheciam. Se seus pais não soubessem se amar, seria impossivel ensinarem a voce como se amar. Eles fizeram o melhor que podiam com o que lhes foi ensinado quando eram crianças. Se voce deseja compreender melhor seus pais, peça-lhes para falar sobre sua própria infância. Se voce ouvir com compaixão, aprenderá de onde vieram seus medos e padrões rígidos. As pessoas que lhe fizeram “tudo aquilo” estavam tão receosas e assustadas como voce está agora.

ESCOLHEMOS NOSSOS PAIS

Cada um de nós decide encarnar neste planeta em pontos específicos no tempo e no espaço. Escolhemos vir para cá com o intuito de aprender uma lição em particular que nos fará avançar no nosso caminho espiritual, na nossa evolução. Escolhemos nosso sexo, cor, pais, e então procuramos o casal específico que refletirá o padrão que estamos trazendo conosco para trabalhar durante esta vida. Então, quando crescemos, geralmente apontamos um dedo acusador para nossos pais e choramingamos: “Voces me fizeram isso”. Porém, na verdade, os escolhemos porque eles eram perfeitos para a tarefa que queríamos executar nesta existência.

Aprendemos nossos sistemas de crenças ainda pequenos e depois vamos pela vida criando experiências que combinem com nossas crenças. Olhe para o passado e veja quantas vezes voce passou pela mesma experiência. Bem, eu acredito que voce criou e recriou essas experiências porque elas refletiam algo em que voce acreditava sobre si mesmo. Não importa realmente há quanto tempo temos um problema, o seu tamanho ou o quanto ele é ameaçador.

O PONTO DO PODER ESTÁ NO PRESENTE

Todos os eventos que voce experimentou em sua vida até este instante foram criados pelos pensamentos e crenças que manteve no passado. Eles foram criados pelos pensamentos e palavras que voce usou ontem, na semana passada, no mês passado, no ano passado, há 10, 20, 30 ou 40 anos atrás, dependendo da sua idade.

Entretanto, esse é o seu passado e ele já acabou, não pode ser modificado. O importante neste momento é o que voce está escolhendo pensar, acreditar e dizer agora. Esses pensamentos e palavras criarão seu futuro. Seu ponto de poder está no presente instante e está formando as experiências de amanhã, da semana que vem, do mês que vem, do ano que vem.

Preste atenção no que voce está pensando neste momento. É positivo ou negativo? Voce quer que esse pensamento crie seu futuro? Apenas preste atenção e tome consciência disso.

OS PENSAMENTOS PODEM SER MUDADOS

Não importa qual seja o problema, nossas experiências são tão-somente efeitos externos de pensamentos internos. Até mesmo o ódio voltado para si mesmo é um pensamento que voce tem sobre si mesmo. Esse pensamento produz uma emoção e voce entra nessa emoção. Todavia, se voce não tiver o pensamento, não terá a emoção. E os pensamentos podem ser modificados. Mude o pensamento e a emoção desaparecerá.

Isso é apenas para nos mostrar onde conseguimos muitas de nossas crenças. Porém, não usemos essa informação como uma desculpa para continuarmos imersos em nossa dor. O passado não tem poder sobre nós. Não importa por quanto tempo estivemos abrigando um padrão negativo. O ponto do poder está no momento presente. Que coisa maravilhosa de compreender! Podemos começar a nos libertar neste instante!

Podemos habitualmente pensar e repensar a mesma coisa tantas vezes que perdemos a noção de que estamos escolhendo o pensamento. Porém, a escolha original foi mesmo nossa. Podemos nos recusar a pensar certas coisas. Veja quantas vezes se recusou a pensar logo algo de positivo sobre voce mesmo. Da mesma forma, também poderá se recusar a pensar algo de negativo sobre si mesmo.

Parece-me que todas as pessoas que conheço ou com quem trabalhei estão sofrendo de culpa e ódio voltados contra si mesmas em maior ou menor grau. Quanto mais ódio e culpa temos, menos funciona nossa vida. Quanto menos ódio e culpa, melhor nossa vida funciona em todos os níveis.

AS EMOÇÕES QUE MAIS CAUSAM PROBLEMAS

Observem que o RESSENTIMENTO, a CRÍTICA, a CULPA e o MEDO causam mais problemas do que qualquer outra coisa.

Essas quatro emoções causam os principais problemas em nossos corpos e nossas vidas. Essas sensações surgem por culparmos os outros e não assumirmos a responsabilidade pelas nossas próprias experiências. Entenda, se somos todos responsáveis por tudo o que existe em nossas vidas, não temos a quem culpar. Seja o que for que esteja acontecendo “lá” é apenas um reflexo dos nossos próprios pensamentos interiores. Não estou defendendo o mau comportamento dos outros, mas são nossas crenças que atraem pessoas que nos tratam assim.

Se voce se descobre dizendo: “Todos sempre fazem isso comigo, me criticam, nunca me ajudam, me usam como um capacho, abusam de mim”, então esse é o seu padrão. Existe algo em voce que atrai pessoas que mostram esse comportamento. Deixando de pensar dessa forma, voce fará com que elas se afastem e vão agir dessa maneira com outra pessoa. Voce não mais as atrairá.

O ressentimento abrigado por longo tempo pode devorar o corpo e se tornar a doença que chamamos de câncer. A crítica como hábito permanente muitas vezes leva ao aparecimento da artrite. A culpa sempre procura punição e a punição cria a dor. O medo e a tensão que ele produz podem criar coisas como calvície, úlceras e até mesmo dores nos pés.

Descobri que o perdão e o se libertar do ressentimento são capazes de dissolver até o câncer. Embora essa afirmação possa parece simplista, já vi e comprovei isso em meu trabalho.

MUDANDO AS ATITUDES

O passado é passado. Não podemos mudá-lo no presente. Todavia, podemos modificar nossos pensamentos e atitudes sobre o passado. Como é tolo nos punir no presente porque alguém nos magoou no passado distante.

Muitas vezes digo a pessoas que possuem profundos padrões de ressentimento: “Por favor, comece a dissolver o ressentimento agora, enquanto é relativamente facil. Não espere até estar sob a ameaça do bisturi de um cirurgião ou no seu leito de morte, quando terá de lidar também com o pânico”.

Quando estamos em pânico, é muito dificil focalizarmos nossas mentes no trabalho de cura. Precisamos de mais tempo para primeiro dissolver nossos medos.

Se escolhemos acreditar que somos vítimas indefesas e que tudo é inutil, o Universo nos apoiará nessa crença e cairemos ainda mais fundo. É vital que nos libertemos dessas idéias e crenças tolas, fora de moda, negativas, que não nos apóiam e não nos nutrem. Até mesmo nosso conceito de Deus precisa ser modificado para que tenhamos um Deus por nós, não contra nós.

Precisamos escolher nos libertar do passado e perdoar a todos, inclusive a nós mesmos. Talvez não saibamos como perdoar e talvez não queiramos perdoar. Porém, o simples fato de dizermos que estamos dispostos a perdoar dá início ao processo de cura. Para nossa própria cura é imperativo que “nós” nos libertemos do passado e perdoemos a todos.

«Eu o perdôo por não ser como eu queria que voce fosse. Eu o perdôo sinceramente e o liberto». Essa afirmação nos liberta.

PORQUE PERDOAR?

Sempre que estamos doentes, necessitamos procurar dentro de nossos corações para descobrirmos quem precisamos perdoar.

Perdoar significa soltar, desistir. Não tem nada a ver com desculpar um determinado comportamento. É só deixar toda a coisa ir embora. Não precisamos saber como perdoar. Tudo o que necessitamos fazer é estarmos dispostos a perdoar. O Universo cuidará do resto.

Compreendemos bem demais nossa própria dor. Como é dificil para a maioria de nós compreendermos que eles, sejam lá quem forem que mais precisam de nosso perdão, também estão sofrendo dor. Precisamos entender que eles estavam fazendo o melhor que podiam com a compreensão, a consciência e o conhecimento que tinham na época.

A IMPORTÂNCIA DA AUTO-ESTIMA

Aprendi que, quando realmente amamos, aceitamos e aprovamos a nós mesmos exatamente como somos, tudo na vida funciona. É como se pequenos milagres estivessem em todos os cantos. Nossa saude melhora, atraímos mais dinheiro, nossos relacionamentos tornam-se mais satisfatórios e começamos a nos expressar de forma plena e criativa. Tudo parece acontecer sem nem mesmo tentarmos.

Amar e aprovar a si mesmo, criar um espaço de segurança, confiança, merecimento e aceitação resultará na criação da organização da sua mente, criará relacionamentos mais amorosos em sua vida, atrairá um novo emprego e um novo e melhor lugar para viver, e até permitirá que seu peso corporal se equilibre. Pessoas que amam a si mesmas e aos seus corpos não se prejudicam nem prejudicam os outros.

A auto-aprovação e a auto-aceitação no aqui e agora são as principais chaves para mudanças positivas em todas as áreas de nossas vidas.

«Parte da auto-aceitação é se desprender das opiniões dos outros».

O amar a si mesmo, amar o eu, começa com jamais nos criticarmos por nada. A crítica nos tranca dentro do padrão que estamos tentando modificar. A compreensão e os sermos gentis conosco mesmos nos ajudam a sair dele. Lembre-se, voce esteve se criticando por anos e não deu certo. Tente se aprovar e veja o que acontece.

PENSAMENTOS & PALAVRAS

Pensamentos e palavras criam nossas experiências futuras.

As palavras que emitimos dão indicação de nossos pensamentos interiores. Às vezes, as palavras usadas não combinam com as experiências descritas. Então sei que ou eles não tem consciência do que realmente está acontecendo ou estão mentindo para mim. Qualquer uma dessas alternativas é um ponto de início e nos dá a base da qual podemos começar o tratamento.

Creio que a palavra deveria é uma das mais prejudiciais que existem em nossa linguagem. Sempre que usamos “deveria” estamos na verdade dizendo “errado”. Ou estamos errados ou estávamos errados ou vamos estar errados. Penso que não precisamos de mais “errados” em nossas vidas. Necessitamos de mais liberdade de escolha. Eu gostaria de pegar a palavra deveria e retirá-la do nosso vocabulário para sempre. Então eu a substituiria pela palavra posso. “Posso” nos dá escolha e jamais estamos errados.

Olhe para todas as pessoas que tentam se forçar por anos e anos a seguir uma carreira da qual nem ao menos gostam só porque seus pais disseram que elas deveriam segui-las. Quantas vezes nos sentimos inferiores porque nos disseram que deveríamos ser mais inteligentes, ricos ou criativos do que algum parente.

Quando somos pequenos aprendemos como nos sentir sobre nós mesmos e sobre a vida das reações dos adultos que nos cercam. Sejam quais forem essas crenças, elas serão recriadas como experiências à medida que crescemos. Todavia, estamos apenas lidando com padrões de pensamentos, e o ponto do poder está sempre no presente. As modificações podem começar quando quisermos.

AMAR A SI MESMO

Continuo explicando que não importa quais pareçam ser seus problemas, só existe uma única coisa em que trabalho com todos – o amor ao eu. O amor é o remédio milagroso. Amar a nós mesmos é algo que realiza milagres em nós mesmos.

Não estou falando sobre vaidade, arrogância ou convencimento, pois isso não é amor, mas somente medo. Falo sobre ter um grande respeito por nós mesmos e uma gratidão pelo milagre de nosso corpo e nossa mente.

Amor, para mim, é apreciação a tal ponto que ela enche meu coração ao máximo e extravasa. O amor pode tomar qualquer direção. Posso sentir amor por:

O processo da vida em si; A alegria de estar vivo; A beleza que vejo; Outra pessoa; O conhecimento; O processo da mente; O Universo e o modo como funciona; etc. O que voce pode acrescentar a essa lista?

Se de alguma maneira negamos nosso bem, trata-se de um ato de não nos amar.

A falta de auto-valorização é uma outra expressão do não amar a nós mesmos.

EXERCÍCIO DO ESPELHO

Peço ao cliente para ficar em frente a um espelho, olhar bem nos olhos, dizer seu nome e depois: “Eu amo e aceito voce exatamente como voce é”.

Esse exercício é extremamente dificil para muitas pessoas. É raro eu obter uma reação tranquila, muito menos um pouco de alegria com essa prática. Alguns choram ou ficam com olhos marejados, outros se enfurecem, outros ainda menosprezam suas feições ou qualidades, uns poucos afirmam que não conseguem.

O trabalho com o espelho é muito poderoso. Quando crianças, recebemos a maioria das mensagens negativas de outros que nos olhavam bem no olho, talvez sacudindo um dedo para nós. Hoje, quando a maioria de nós se olha no espelho diz algo negativo, quer criticando sua aparência ou menosprezando alguma atitude. Olhar-se bem no olho e fazer uma declaração positiva sobre si mesmo é, na minha opinião, o modo mais rápido de se conseguir bons resultados com afirmações.

EXCESSO DE PESO

O excesso de peso é outro bom exemplo de como podemos desperdiçar muita energia tentando corrigir um problema que não é o verdadeiro. As pessoas frequentemente passam anos e anos lutando contra a gordura e continuam com excesso de peso; afirmam que todos os seus problemas vêm porque elas são gordas. O excesso de peso é só um efeito exterior de um profundo problema interno. Para mim, ele é sempre o medo e uma necessidade de se sentir protegido. Quando nos sentimos amedrontados ou inseguros, ou “não bons o bastante”, muitos de nós acumulam gordura para se proteger.

Gastar tempo nos menosprezando por sermos gordos demais, sentir culpa a cada garfada que comemos, fazer todas as coisas más que fazemos a nós mesmo quando engordamos, não passa de desperdício de tempo. Daqui a vinte anos estaremos na mesma posição porque não começamos a lidar com o verdadeiro problema por trás da gordura. Só conseguimos nos tornar mais amedrontados e inseguros, e então precisamos de mais peso para proteção.

É por isso que eu me recuso a focalizar a atenção na gordura ou em dietas, pois estas não funcionam. A única dieta que dá certo é a dieta mental, a que evita pensamentos negativos sobre nós mesmos.

É impressionante ver como, quando se começa a amar e aprovar a nós mesmos, a gordura excessiva vai desaparecendo de nossos corpos.

FAXINA MENTAL

Quando se quer limpar um cômodo completamente, primeiro é necessário pegar e examinar tudo o que existe nele. Algumas coisas serão olhadas com carinho e receberão limpeza e polimento para ganharem uma nova beleza. Outras talvez precisarão de conserto ou restauração, o que poderá ser feito depois, com calma. Outras coisas ainda jamais servirão para nada e deverão ser jogadas fora. Não é necessário ficar com raiva para se fazer uma boa faxina.

O mesmo acontece quando estamos limpando nossa casa mental. Não é preciso sentir raiva só porque algumas das crenças guardadas nela estão prontas para serem atiradas fora. Livre-se delas com a mesma facilidade com que jogaria restos de comida na lata do lixo depois de uma refeição. Voce por acaso cataria no lixo de ontem para fazer o jantar de hoje? Não! Então, por favor, não cate no velho lixo mental para criar as experiências de amanhã.

Se um pensamento ou crença não lhe é mais util, livre-se dele! Não existe nenhuma lei que diga que só porque voce um dia acreditou em alguma coisa é obrigado a acreditar nela para sempre.

A CRIANÇA INTERIOR

Cada um de nós tem uma criança interior e com frequência passamos a maior parte de nossas vidas gritando com ela. Depois ficamos imaginando por que nossa vida não funciona.

Se voce tivesse um amigo que vivesse criticando-o, gostaria de estar sempre com ele? É possivel que voce tenha sido tratado dessa forma quando criança, e isso é muito triste. No entanto, isso aconteceu muito tempo atrás. Se atualmente voce está escolhendo se tratar da mesma forma, então é algo mais triste ainda.

Baseamos nosso roteiro de vida em nossas mensagens de infância. Éramos todos bonzinhos e aceitamos obedientemente o que “eles” nos disseram como sendo verdade. Seria muito facil só culparmos nossos pais e sermos vítimas pelo resto da vida, mas isso não teria graça nenhuma e com toda a certeza não nos tiraria da encrenca em que nos encontramos agora.

A CULPA

A culpa é um dos modos mais garantidos de se permanecer dentro de um problema. Quando culpamos alguém, estamos abrindo mão de nosso poder. A compreensão nos permite elevarmos-nos acima da questão e assumirmos o controle de nosso futuro.

A culpa é uma emoção completamente inutil. Nunca faz ninguém se sentir bem nem muda uma situação. É uma ilusão perigosa.

Esquecemos que criamos as situações e então abrimos mão de nosso poder culpando outra pessoa pela nossa frustração. Ninguém, nenhum lugar, nada tem nenhum poder sobre nós, pois “nós” somos o único “pensador” em nossas mentes. Criamos nossas experiências, nossa realidade e todos que estão nela. Quando criamos paz, harmonia e equilíbrio em nossa mente, encontramos o mesmo em nossa vida.

O passado não pode ser mudado. O futuro é moldado pelo pensamento atual. É imperativo para nossa liberdade entender que nossos pais estavam fazendo o máximo que podiam com a compreensão, consciência e sabedoria que tinham. Sempre que culpamos alguém, não estamos assumindo a responsabilidade por nós mesmos.

Aquelas pessoas que nos fizeram aquelas coisas horríveis estavam tão assustadas e amedrontadas como voce está agora. Sentiam a mesma impotência que voce sente agora. As únicas coisas que podiam ensinar eram as que tinham aprendido.

Quanto voce sabe sobre a infância dos seus pais, especialmente antes dos dez anos de idade? Se ainda for possivel, descubra mais perguntado-lhe. Se conseguir mais informações sobre a infância de seus pais, voce entenderá com maior facilidade por que fizeram o que fizeram. A compreensão resultará em compaixão.

Se voce não sabe e não tem como descobrir, tente imaginar como deve ter sido. Que tipo de infância criaria um adulto como aquele?

Voce precisa desse conhecimento para sua própria libertação. Voce só poderá se libertar depois de libertá-los. Voce só poderá se perdoar depois de perdoá-los. Se exigir perfeição deles, exigirá perfeição de si mesmo, o que o tornará infeliz a vida toda.

INFLUÊNCIAS DE OUTROS

Nossos irmãos e irmãs mais velhos são deuses para nós quando somos pequenos. Se eram infelizes, provavelmente descontaram em nós tanto física como verbalmente.

Os professores também muitas vezes nos influenciam.

Os vizinhos também exercem influência, não só por causa do que dizem, mas porque também nós perguntamos: “O que será que os vizinhos vão pensar?”

Pense bem nas autoridades que tiveram influências na sua infância.

E, naturalmente, existem as declarações fortes e muito persuasivas dos anúncios na imprensa e televisão. Um excesso de produtos é vendido fazendo-nos sentir que seremos indignos ou errados se não os usarmos.

Todos estamos aqui para transcendermos nossas limitações iniciais, sejam quais tenham sido. Estamos aqui para reconhecer nossa própria magnificência e divindade, não importa o que eles nos tenham dito. Voce tem suas crenças negativas para superar e eu tenho minhas crenças negativas para superar.

O QUE É VERDADE?

A pergunta: “É verdade ou real?” tem duas respostas: “Sim” ou “Não”. É verdade se voce acredita que é verdade. Não é verdade se voce acredita que não é verdade. O copo tanto pode estar meio cheio ou meio vazio, depende do modo como se olha para ele. Existem literalmente bilhões de pensamentos que podemos escolher para pensar.

A maioria de nós escolhe os mesmos tipos de pensamentos que nossos pais costumavam ter, mas não somos obrigados a continuar com isso. Não existe lei que determine que só podemos pensar de uma única forma.

Seja o que for em que acredito, torna-se uma realidade para mim. Seja o que for em que voce acredita, torna-se realidade para voce. Nossos pensamentos podem ser completamente diferentes. Nossas vidas e experiências podem ser completamente diferentes.

«Tudo em que acreditamos torna-se realidade para nós».

Seja qual for o problema, ele se origina num padrão de pensamento, e padrões de pensamento podem ser mofificados!

Esses problemas com que lidamos, podem parecer verdade. No entanto, por mais dificil que seja a questão com que estamos lidando, ela é apenas o resultado externo ou o efeito de um padrão de pensamento interno.

Por que tão raramente nos sentamos e perguntamos a nós mesmos: “Isso é mesmo verdade ou algo que eu criei com minha atitude mental?

Crenças como “Meninos não choram” e “Meninas não sobem em árvores” criam homens que escondem seus sentimentos e mulheres que tem medo de atividades físicas.

Se em criança lhe ensinaram que o mundo é um lugar assustador; tudo o que voce ouvir que se ajusta a essa crença será aceito como verdade. O mesmo vale para “Não confie em estranhos”, “Não saia de casa à noite” ou “Todos querem lhe passar a perna”.

Por outro lado, se no começo de nossa vida foi nos ensinado que o mundo é um lugar seguro, nossas crenças serão outras. Podemos facilmente aceitar que o amor está presente em todos os cantos, que as pessoas são afáveis e que sempre teremos o que precisamos.

Se em criança lhe ensinaram: “É tudo minha culpa”, voce andará por aí sempre se sentindo culpado, não importa o que aconteça. Sua crença o tornará alguém que está sempre dizendo “Desculpe-me”.

Se em criança voce aprendeu a acreditar: “Eu não valho nada”, essa crença sempre o manterá no fim da fila, onde quer que esteja.

As circunstâncias de sua infância o ensinaram a acreditar: “Ninguém me ama”? Então, com toda a certeza, voce é solitário, suas amizades e relacionamentos tem curta duração.

Quantas vezes já dissemos: “Eu sou assim mesmo” ou “É, as coisas são assim”. Essas frases na realidade estão dizendo que isso é o que acreditamos como verdade para nós, e geralmente aquilo em que acreditamos não passa da opinião de outra pessoa que incorporamos no nosso sistema de crenças. Sem dúvida, ele se ajusta a todas as outras coisas em que cremos.

Voce é uma dessas pessoas que acordam numa certa manhã, vêem que está chovendo e dizem: “Que dia miseravel”?

Não é um dia miseravel. É apenas um dia molhado. Se usarmos as roupas apropriadas e mudarmos nossa atitude mental, podemos nos divertir bastante num dia chuvoso. Agora, se nossa crença for a de que dias de chuva são miseráveis, sempre receberemos a chuva de mau humor. Lutaremos contra o dia em vez de acompanharmos o fluxo do que está acontecendo no momento.

Não existe “bom” ou “mau” tempo, existe somente o clima e nossas reações individuais a ele.

Se queremos uma vida alegre, precisamos ter pensamentos alegres. Se queremos uma vida próspera, precisamos ter pensamentos de prosperidade. Se queremos uma vida com amor, precisamos ter pensamentos de amor. Tudo o que enviamos para o exterior, mental ou verbalmente, voltará a nós numa forma semelhante.

UM NOVO COMEÇO

Não importa há quanto tempo um padrão negativo, uma doença, um mau relacionamento, falta de dinheiro ou ódio voltado contra nós mesmos. Podemos começar uma mudança hoje!

Seu problema não precisa mais ser verdade para voce. Ele agora pode sumir no nada, de onde veio. E voce pode fazer isso.

Seus pensamentos e crenças do passado criaram este momento e todos os momentos até chegarmos a este. O que voce agora está escolhendo pensar, acreditar e dizer criará o momento seguinte, depois o dia seguinte, o mês seguinte e o ano seguinte. E assim por diante.

Posso lhe dar os mais maravilhosos conselhos, resultado de anos de experiência. Todavia voce pode escolher continuar a pensar os mesmos velhos pensamentos, pode se recusar a mudar e ficar com todos os seus problemas.

Voce é o poder em seu mundo! Voce terá tudo o que escolher pensar!

Neste instante começa o novo processo. Cada momento é um novo começo e este momento é um novo começo para voce bem aqui e bem agora! Não é formidavel saber isso? Este momento é o Ponto do Poder! Agora, neste instante, é onde se inicia a mudança!

Pare por um instante e capte seu pensamento. Em que está pensando agora? Se é fato que seus pensamentos moldam sua vida, voce gostaria que o que está pensando se tornasse verdade? Se for um pensamento de preocupação, raiva, mágoa, vingança ou medo, como acha que ele voltará a voce?

Nem sempre é facil captarmos nossos pensamentos porque eles são muito rápidos. No entanto, podemos agora mesmo começar a prestar atenção ao que dizemos. Se voce se ouvir expressando palavras negativas de qualquer tipo, pare no meio da sentença. Reformule-a ou simplesmente a abandone. Voce até mesmo poderá dizer a ela: “Fora daqui”.

Se voce escolher pensamentos que criarão problemas e sofrimentos, estará cometendo uma tolice. É como escolher alimentos que sempre o fazem se sentir mal. Podemos fazer isso uma ou duas vezes, mas logo que aprendemos que determinada comida prejudica nosso corpo ficamos longe dela. O mesmo deve acontecer com os pensamentos. Fiquemos longe de pensamentos que criam problemas e sofrimento.

«Onde existe um problema, não há algo para fazer, há algo para compreender».

Nossas mentes criam nosso futuro. Quando temos algo de indesejavel em nosso presente, precisamos usar nossas mentes para modificar a situação.

O QUE FAZEMOS AGORA?

A essa altura, as pessoas reagem de forma diferente. Uns erguem as mãos em horror do que podem chamar de bagunça de suas vidas, outros desistem de tentar lutar. Outros ainda ficam com raiva de si mesmos ou da vida e também desistem.

Desistir significa acreditar que: “É inutil e impossivel fazer mudanças, por isso não adianta tentar”.

Para mim, a raiva habitual é como se ficar sentado num canto com um chapéu de burro na cabeça. Isso lhe parece familiar? Algo acontece e voce fica com raiva. Porém, nunca vai além do que ficar com raiva.

O que adianta isso? É uma reação tola desperdiçar energia apenas em ficar com raiva. Também trata-se de uma recusa em ver a vida de uma maneira nova e diferente.

Seria muito mais util perguntar-se como voce está criando tantas situações que o enraivecem.

Em que voce está acreditando que causa todas essas frustrações? Quanto mais se entrega à raiva, mais cria situações que o enraivecem, o que o faz ser como o bobo da classe que fica de castigo num canto com um chapéu de burro na cabeça.

VOCE É TEIMOSO?

Se voce quer mesmo saber o quanto é teimoso, analise a idéia de estar disposto a mudar. Todos queremos que nossa vida se modifique, que as situações fiquem melhores e mais fáceis, mas não queremos ser obrigados a mudar. Gostaríamos mais que os outros mudassem. Mas, para que tudo se modifique, precisamos mudar por dentro. Temos de mudar nosso modo de pensar, nosso modo de falar, nosso modo de nos expressar. Só então acontecerão as modificações externas.

Esse é o passo seguinte. Já estamos a par do que são os problemas e de onde eles vieram. Agora é a hora de estarmos dispostos a mudar.

Sempre que decido fazer uma mudança em minha vida, deixar ir alguma coisa, preciso mergulhar mais fundo dentro de mim para conseguir.

Cada velha camada deve ser removida para ser substituida por novos pensamentos. Algumas vezes é facil. Em outras, é como tentar levantar uma rocha.

Quanto mais tenazmente me agarro a uma velha crença quando digo que quero fazer uma mudança, mais sei que é importante para mim livrar-me dela. E é só aprendendo essas coisas que posso ensinar aos outros.

Creio que muitos mestres realmente bons não vieram de lares alegres, onde tudo era facil. Geralmente foram criados num ambiente de dor e sofrimento, e foram removendo as camadas até atingirem o ponto de onde agora podem ensinar os outros a se libertar. Muitos grandes mestres estão continuamente trabalhando para deixar ir embora ainda mais, para remover camadas de limitações cada vez mais profundas. Isso se torna uma ocupação para a vida toda.

EXERCÍCIO: “Estou disposto a mudar”.

Vamos usar a afirmação: “Estou disposto a mudar”. Repita com frequência: “Estou disposto a mudar”. “Estou disposto a mudar”. Toque a frente do pescoço enquanto diz isso. Esse é o centro energético do corpo onde ocorre a mudança. Tocando a frente do pescoço, voce está reconhecendo o processo de mudança.

Esteja disposto a permitir que as mudanças aconteçam quando surgirem em sua vida. Tome consciência de que onde voce não quer mudar é exatamente a área onde mais necessita mudar.

A Inteligência Universal está sempre respondendo aos nossos pensamentos e palavras. As coisas definitivamente começarão a mudar à medida que voce for fazendo essas afirmações.

Quando voce se propõe a fazer uma faxina mental não importa realmente por qual área voce vai começar. Apenas escolha a área que mais o atrai. As outras virão quase por si mesmas.

O QUE VOCE COME?

Pessoas que não se importam com sua própria alimentação e iniciam o trabalho no nivel espiritual muitas vezes se vêem atraídas pela nutrição balanceada. Encontram um amigo, um livro ou uma aula que fala no assunto, fazendo-os compreender que o que ingerem tem muito a ver com o que sentem e aparentam. O fato é que um nivel sempre leva a outro quando existe a disposição de mudar e crescer.

Tome consciência do que voce come. É como prestar atenção a pensamentos. Também podemos aprender a prestar atenção a nossos corpos e aos sinais que surgem quando comemos de formas diferentes.

Limpar a casa mental depois de uma vida inteira se entregando a pensamentos negativos é semelhante a entrar numa boa dieta depois de uma vida inteira que se passou ingerindo a comida errada. Tanto uma como outra podem criar crises antes de surgir a cura. Quando muda a dieta física, o corpo começa a atirar fora todos os resíduos tóxicos acumulados e geralmente a pessoa se sente muito mal por alguns dias. O mesmo acontece quando se toma a decisão de modificar os padrões de pensamento. A situação pode parecer pior por algum tempo.

RESISTÊNCIA À MUDANÇA

Quando temos algum padrão profundamente inserido em nós, primeiro precisamos percebê-lo para então curarmos a condição. Poderemos talvez começar mencionando o problema, queixando-nos dele ou vendo-o em outras pessoas. De alguma forma, ele sobe à superfície de nossa atenção e passaremos a nos relacionar com ele. Muitas vezes atraímos um professor, um amigo, uma aula ou seminário, ou um livro que nos desperta para novos meios de se abordar a dissolução do problema.

A impaciência é outra forma de resistência, ou seja, a resistência em aprender e mudar. Quando exigimos que tudo seja feito agora mesmo, terminado imediatamente, não nos damos tempo para aprender a lição relacionada com o problema que criamos.

Se voce quer passar de um cômodo para outro, precisa se levantar e ir até lá passo a passo. Permanecer sentado na poltrona e exigir de si mesmo estar num outro cômodo não adiantará nada. O mesmo acontece com nossos problemas. Queremos vê-los resolvidos, mas não queremos fazer as pequenas coisas que somadas levarão à solução.

Se voce pensa na coisa mais dificil que tem a fazer e no quanto resiste a isso, então está olhando para sua maior lição no presente momento. O entregar-se, desistir da resistência, permitir-se aprender o que precisa tornará o passo seguinte mais facil. Não deixe sua resistência impedi-lo de fazer mudanças. Podemos trabalhar em dois níveis: 1) Encarar a resistência e 2)Insistir nas mudanças mentais. Observe-se, analise o modo como resiste e depois continue em frente, apesar de tudo.

TÁTICAS DE PROCRASTINAÇÃO (Adiamento)

Nossa resistência muitas vezes se expressa como táticas de procrastinação. Usamos desculpas como:

Farei mais tarde.

Não posso pensar nisso agora.

Não tenho tempo agora.

Eu teria de ficar muito tempo afastado do meu trabalho.

Sim, é uma boa idéia. Farei isso um dia qualquer.

Tenho muitas outras coisas a fazer.

Pensarei nisso amanhã.

Assim que eu terminar com…

Assim que eu voltar de viagem.

A hora não é certa.

É tarde demais.

TÁTICAS DE NEGAÇÃO

Essa forma de resistência aparece na negação da necessidade de mudar. São coisas como:

Não há nada errado comigo.

Não consigo fazer nada a respeito deste problema.

Deu tudo certo antes.

De que adiantaria mudar?

Se eu ignorar, talvez o problema desapareça.

TÁTICAS DE MEDO

De longe, a maior categoria de resistência é o medo – medo do desconhecido.

Vejam estas:

Ainda não estou pronto.

Posso falhar.

Eles poderão me rejeitar.

O que os vizinhos vão pensar?

Estou com medo de contar ao meu marido/mulher.

Não sei o bastante.

Poderei me magoar.

Posso precisar mudar demais.

Talvez fique muito caro.

Não quero que ninguém saiba que tenho um problema.

Tenho medo de expressar meus sentimentos.

Não quero conversar sobre isso.

Não tenho a energia necessária.

Quem sabe onde irei terminar?

Não tenho dinheiro agora.

Eu não seria perfeito.

Eu poderia perder meus amigos.

Não confio em ninguém.

Isso poderia prejudicar minha imagem.

DEIXE SEUS AMIGOS EM PAZ

Muitas vezes, em vez de trabalharmos em nossas próprias mudanças, decidimos que um determinado amigo precisa mudar. Isso também é resistência.

Quando algo dá certo para nós, geralmente queremos compartilha-lo com outros, mas talvez eles não estejam prontos para fazer uma mudança naquele ponto do tempo e do espaço. Já é dificil mudar quando queremos, e tentar fazer alguém mudar quando não quer é simplesmente impossivel e pode estragar uma boa amizade. Eu forço meus clientes porque eles me procuram. Quanto aos meus amigos, deixo-os em paz.

TRABALHO COM O ESPELHO

Os espelhos refletem nossas sensações sobre nós mesmos, mostram-nos com clareza que áreas precisam ser modificadas se quisermos uma vida plena e alegre.

Peço às pessoas para olharem dentro de seus olhos e dizerem algo de positivo para elas mesmas sempre que passarem por um espelho. O modo mais poderoso de se fazer afirmaçoes é olhando no espelho e falando-as em voz alta. Há uma percepção imediata da resistência e assim pode-se superá-la mais rapidamente.

Agora olhe para o espelho e diga a si mesmo: “Estou disposto a mudar”.

Note como se sente. Se estiver hesitante, resistente ou simplesmente não quer mudar, pergunte-se por quê. A que velha crença voce está se agarrando? Lembre-se, não é hora de se censurar. Só preste atenção ao que está acontecendo e que crença sobe à superfície. Essa é a que tem lhe causado tantas complicações. Será que voce pode reconhecer de onde ela veio?

PADRÕES REPETIDOS

Para cada hábito que temos, para cada experiência por que passamos, para cada padrão que repetimos, existe uma necessidade interior para eles. A necessidade corresponde a uma crença que temos. Se não existisse uma necessidade, não teríamos o hábito, a experiência e o padrão. Há algo dentro de nós que precisa da gordura, dos maus relacionamentos, dos fracassos, da raiva, dos cigarros, da pobreza, dos maus-tratos, seja lá o que for que representa um problema para nós.

Seja o que for que estejamos tentando soltar de nossas vidas, trata-se apenas de um sintoma, de um efeito externo. Tentar eliminar o sintoma sem trabalhar na dissolução da causa é inutil. No instante em que relaxamos nossa força de vontade ou disciplina, o sintoma brota de novo.

A DISPOSIÇÃO DE SE LIBERTAR

Costumo dizer aos meus clientes: “Deve haver uma necessidade em voce por essa condição, senão voce não a teria. Vamos voltar um passo atrás e trabalhar na disposição de se libertar da necessidade. Quando a necessidade desaparecer, voce não terá desejo de fumar, comer demais ou por qualquer outro padrão negativo”.

Uma das primeiras afirmações que devem ser usadas é: “Estou disposto a me libertar da necessidade de . Se estiver resistindo a essa altura, suas outras afirmações não irão funcionar. As teias que criamos em torno de nós tem de ser desmanchadas. Se voce já embaraçou um novelo de linha, sabe que puxar e arrancar só piora a situação. É preciso soltar os nós com paciência e jeito. Seja gentil e paciente com voce mesmo enquanto desfaz seus embaraços mentais. Procure ajuda se achar necessário mas, acima de tudo, ame-se a si mesmo durante o processo. A disposição de se libertar do velho é a chave. Esse é o segredo.

Quando falo “necessitar do problema”, quero dizer que, de acordo com nosso conjunto particular de padrões de pensamentos, “necessitamos” ter certos efeitos ou experiências externos. Cada efeito externo é a expressão natural de um padrão de pensamento interno. Lutar apenas contra o efeito ou sintoma é desperdiçar energia e com frequência só serve para aumentar o problema.

A AUTOCRÍTICA

A autocrítica só intensificará o adiamento e a preguiça. A energia mental deve ser aplicada na dissolução do velho e na criação de novos padrões de pensamento.

Não importa qual seja a abordagem escolhida ou sobre que assunto estejamos falando, estamos apenas lidando com pensamentos, e pensamentos podem ser mudados.

Quando queremos mudar uma condição, precisamos dizer: “Estou disposto a abandonar o padrão dentro de mim que está criando esta condição”.

Diga isso a si mesmo muitas e muitas vezes sempre que pensar no seu problema ou doença. No minuto em que fizer essa afirmação, voce sairá da categoria de vítima. Voce não é mais impotente, está reconhecendo seu próprio poder.

Quase toda a nossa programação, tanto positiva quanto negativa, foi aceita por nós quando éramos criança. Nossas experiências desde então estão baseadas naquilo que aceitamos e acreditamos sobre nós mesmos e sobre a vida naquela época. O modo como fomos tratados quando pequeninos geralmente é o modo como nos tratamos agora. A pessoa que voce está maltratando agora é a criança no seu interior.

Se voce é uma pessoa que fica com raiva de si mesma por ser medrosa e assustada, pense em si como sendo uma criança. Se voce visse à sua frente uma criança, cheia de medo, o que faria? Ficaria bravo com ela ou estenderia os braços para confortá-la até ela se sentir segura e tranquila? Talvez os adultos que viviam à sua volta quando voce era criança não soubessem como confortá-lo na época. Mas agora voce é o adulto em sua vida e, se não está confortando a criança no seu interior, trata-se de algo muito triste mesmo.

O que foi feito no passado pertence ao passado e terminou. Mas este é o presente e voce agora tem a oportunidade de se tratar como quer se tratado. Uma criança assustada precisa de carinho, não de repreensões. Ralhar consigo mesmo só o torna mais assustado e não existe lugar para onde fugir. Quando a criança dentro de nós se sente insegura, ela cria um monte de problemas. Lembra-se de como era ser espezinhado quando voce era criança? A sua criança interior sente exatamente o mesmo.

Seja carinhoso consigo mesmo. Comece a se amar e se aprovar. É disso que aquela criancinha precisa para se expressar no seu potencial mais alto.

COMO MUDAR

Às vezes, quando tentamos desprender um padrão, toda a situação parece piorar por algum tempo. Isso não é mau, mas apenas um sinal de que a situação está començando a se mexer. Nossas afirmações estão funcionando, temos de ir em frente.

Às vezes o problema toma uma direção diferente e começamos a ver e entender mais. Por exemplo, suponhamos que voce esteja tentando deixar de fumar e esteja repetindo: “Estou disposto a soltar a necessidade de cigarros”. À medida que vai trabalhando nisso, nota que seus relacionamentos vão se tornando mais desagradáveis. Não se desespere, é um sinal de que o processo está em andamento.

Voce é muito mais do que sua mente. Voce pode pensar que ela é que está dirigindo o espetáculo, mas é só porque voce a treinou para pensar assim. Voce também pode destreina-la e treina-la novamente.

Claro que ela inicialmente se rebelará, pois não deseja ser retreinada. Porém, voce está no controle e, se se mantiver firme e concentrado, dentro de pouco tempo o novo modo de pensar ficará estabelecido e será extremamente gratificante tomar consciência de que voce não é apenas uma vítima indefesa de seus pensamentos.

LIBERAÇÃO FÍSICA

Às vezes precisamos experimentar um soltar no plano físico. Experiências e emoções podem ficar trancadas no corpo. Gritar dentro de um automovel com todas as janelas fechadas pode ser muito aliviador se estivemos sufocando nossa expressão verbal. Socar o colchão ou chutar almofadas é um modo inofensivo de soltarmos a raiva represada. Podemos também usar esportes com esse objetivo, como jogar tênis ou correr.

PRESO NO PASSADO

Muitas pessoas me dizem que não podem desfrutar o presente por causa de algo que aconteceu no passado. Como não fizeram alguma coisa no passado, não podem viver plenamente hoje. Como não tem mais algo que tinham no passado, não podem se divertir atualmente. Como foram magoados no passado, não aceitam o amor agora. Como algo desagradavel aconteceu quando fizeram determinada coisa no passado, tem certeza de que ela acontecerá de novo hoje. Como uma vez fizeram algo que lamentamos, estão certos de que serão pessoas más para sempre. Como um dia alguém lhes fez algo, acusam essa pessoa por sua vida não ser como gostariam. Como enraiveceram-se por causa de uma situação no passado, mantêm-se indignados.

#claudialinsoficial

Para Danielle… no dia do seu aniversário “Carpe Diem”

Para Danielle… no dia do seu aniversário: “Carpe Diem”
Você, Danielle, é o meu melhor exemplo de colher o dia, aproveitar o dia e não deixar nada para amanhã…

É preciso saber aproveitar o momento, ser feliz e fiel a si próprio e desfrutar cada segundo da vida como se fosse o último…
porque o amanhã pode não chegar.

Existem 7 autores que disseram Carpe Diem de uma forma incrível… e você também, Danielle, de uma forma unica de ser.

Carpe diem significa “aproveite o dia”, ou seja, viva o presente ao máximo.

De Clarice Lispector a Augusto Cury, vários autores, mesmo sem usar a expressão, defenderam o carpe diem ao longo das suas obras e vão te inspirar a querer aproveitar melhor o teu dia!

Ouça com cuidado. O que é que eles estão dizendo, afinal?

  1. Clarice te convida a viver e aproveitar a vida, sem pensar nem questionar.

Uma das escritoras brasileiras mais importantes, Clarice Lispector defende que a vida deve ser aproveitada sem questionar, mergulhando na aventura sem hesitação.

  1. Thoreau diz que o lema é viver ao máximo agora para não se arrepender depois!

Esta frase de Henry David Thoreau, escritor norte-americano, foi usada no filme “A Sociedade dos Poetas Mortos” pelo professor John Keating, para incentivar os seus alunos a aproveitarem a vida e buscarem a felicidade.

  1. Devemos desfrutar a vida em pleno, dia a dia, é o desafio de Ralph Waldo Emerson.

O escritor norte-americano Ralph Waldo Emerson, chama a atenção para o fato de não aproveitarmos o que a vida nos dá a cada dia.

  1. Augusto Cury pergunta para quê ter medo de viver?

Augusto Cury, psiquiatra e autor brasileiro, defende que não se deve ter medo de viver e sim medo de não aproveitar a dádiva da vida ao máximo.

  1. Segundo Walt Whitman, o melhor é aproveitar agora e não deixar a vida para depois!

Walt Whitman, famoso poeta norte-americano, defendeu no seu poema Carol of Occupations, que devemos viver o dia de hoje, agora e não deixar a felicidade para depois.

  1. Dar tudo ao presente é o segredo para ter um futuro mais rico para Albert Camus.

A frase de Albert Camus, autor francês nascido na Argélia e Prêmio Nobel da Literatura, não pode te deixar indiferente.

  1. Ontem já passou e para amanhã ainda falta. Viva verdadeiramente o dia de hoje!

Pensar no hoje e não no ontem, que já passou, ou no amanhã, que ainda está para chegar. É este o conselho de Goethe, escritor e filósofo alemão do século XVIII e XIX.

  1. Danielle não disse, ela foi lá e fez…

A vida é breve, por isso, agora, aproveite o que a vida te dá de bom, dia após dia e “Colha o seu dia”

Carpe diem!

#claudialinsoficial

O Poder da Co-Criação


O QUE É A CO-CRIAÇÃO?

Co-criar é um poder que todos temos, e que tem a função (objetivo) de garantir que todas as experiências que você realmente deseja ter, consiga ter, isto é, garante que você possa SER, TER e FAZER tudo o que você desejar.

É baseada em uma lei universal chamada Lei da Atração (em inglês chama-se Law of Attraction, que pode ser abreviada para LOA). É chamada de “co-criação” porque você não cria sozinho(a), mas sim com a ajuda de uma força universal.

Você não precisa obrigatoriamente acreditar na sua existência, basta realmente seguir todos os passos necessários e os resultados virão. Depois de algumas experiências, se você não acreditava na existência da LOA, vai passar a acreditar…

De acordo com o livro Conversas com Deus – livro 1, do autor Neale Donald Walsch, páginas 39 e 40, o objetivo da vida não é aprender, mas apenas termos experiências e a LOA garante que todos possamos experienciar, co-criar e brincar à vontade…

Somos todos mini-deuses co-criando e experimentando os resultados das nossas co-criações.

CONCEITOS BÁSICOS IMPORTANTES

Primeiramente é importante definir alguns conceitos importantes. Estes conceitos estão aqui para servir como uma base lógica e que faça sentido principalmente para pessoas mais céticas e científicas. Não são provas científicas, mas apenas conceitos simples e lógicos. Você pode escolher aceitar estes conceitos como verdadeiros por fazerem sentido para você ou pode rejeitá-los completamente. A vantagem em aceitá-los é que você terá uma base sólida de apoio às suas co- criações.


A. LIGAÇÕES

Como a própria Física Quântica já constatou, tudo, em todo o universo, está conectado, e por isto, somos todos uma só energia. Portanto nós (seres humanos) estamos conectados entre nós, estamos conectados a todos os seres vivos deste planeta, estamos conectados ao próprio planeta Terra e ao universo inteiro. Há apenas um campo de energia em todo o universo. Tudo está conectado com tudo e você faz parte deste todo, isto é, você está literalmente conectado à tudo no universo, sem exceção.

Conceito 1 – TUDO ESTÁ CONECTADO

B. EXISTÊNCIA DE UMA INTELIGÊNCIA SUPREMA

Embora a existência de Deus não possa ser provada cientificamente, dá para se notar muito facilmente que há uma inteligência por trás de tudo o que existe. Para verificar isto, basta observar a perfeição que existe nas funções vitais que mantém vivos e saudáveis todos os seres deste planeta, a perfeição que existe em toda a natureza e a perfeição que existe nos sistemas solares e galáxias. Dá para ver e sentir que tudo acontece por algum motivo. Este motivo tem lógica e faz todo sentido. Cada reação química que acontece no seu organismo, ocorre no momento exato e perfeito. A vida é o resultado da soma de todas estas bilhões de pequenas reações químicas que ocorrem simultaneamente e em perfeita harmonia. É algo perfeito demais para ser chamado coincidência.

À partir dos infinitos exemplos desta inteligência perfeita, é fácil deduzir e aceitar que existe algo por trás disto tudo. Podemos chamá-lo de “Deus” ou “Universo” ou “Tudo O Que Existe”. O nome que se dá não tem importância. Os nomes são apenas símbolos que representam algo, que neste caso representa toda a existência. Eu optei por chamá-lo de Deus. Este “Deus” não é o Deus das religiões, é a palavra que representa a origem de tudo o que existe.

Conceito 2 – DEUS EXISTE E É A INTELIGÊNCIA POR TRÁS DE TUDO

C. RELAÇÃO ENTRE NÓS E DEUS

Como só existe um campo de energia, tudo tem que fazer parte dele, incluindo Deus. Mas Deus é o nome dado ao todo, portanto, Deus não faz parte do todo, Deus é o todo. Como nós fazemos parte deste campo de energia, portanto nós e Deus somos um só. Assim, somos todos partes de Deus. Se Deus fosse um oceano, cada um de nós seria uma pequena gota deste oceano.

Conceito 3 – DEUS E NÓS SOMOS UM SÓ

D. O CRIADOR

O Universo existe a alguns bilhões de anos. Antes destes bilhões de anos, o Universo não existia. Então tinha que existir algo antes da existência do Universo (big bang). Portanto podemos deduzir que o que existia antes de tudo só pode ser Deus, pois “o nada” não pode criar nem originar alguma coisa.

Conceito 4 – DEUS É O TODO E A ORIGEM DE TUDO

E. CONCLUSÃO FINAL

Foram apresentados estes 4 conceitos: “Tudo está conectado ”, “Deus existe e é a inteligência por trás de tudo ”, “Deus e nós somos um só ” e “Deus é o todo e a origem de tudo ”.

Baseando-nos nestes 4 conceitos, podemos concluir que como Deus é a origem de tudo, é também a nossa origem. E como nós e Deus somos um só, somos pedacinhos de Deus.

Como Deus é o criador de tudo o que existe, incluindo todos os Universos e Dimensões e como somos todos partes dele, temos em nosso interior, a mesma essência de Deus, isto é, temos exatamente as mesmas características, as mesmas capacidades e os mesmos poderes que Deus. Como Deus é um criador, somos também criadores e esta é a origem da Lei da Atração (Co-Criação), que também pode ser chamada “Lei da Co-criação”.

Esta lei é tão certa quanto à Lei da Gravidade, mas enquanto a Lei da Gravidade atrai tudo para baixo, a Lei da Atração atrai tudo para você!!!

QUAL É A BASE DE FUNCIONAMENTO DAS CO-CRIAÇÕES ?

Tudo no universo funciona com base em vibrações e as co-criações não são uma exceção. Portanto o mecanismo base de funcionamento das co-criações são as vibrações, isto é, elas são ativadas com base nas vibrações emitidas e não nas palavras pronunciadas. Pensamentos e emoções são ambos vibrações, são ambos energia. Agora é necessário que você entenda um conceito básico…

Como já foi dito, nós somos partes (pedacinhos) de Deus. A essência de Deus é uma energia de unidade, isto é, sem separações. Nós vivemos em uma dimensão em que a unidade está dividida em duas partes. Isto é chamado de dualidade. A dualidade está em tudo, incluindo em nossos corpos. Um exemplo é o cérebro, que é formado por duas partes (direita e esquerda)

Além da separação física do cérebro em duas partes, temos também uma outra separação importante, que é a Mente e o Coração. A mente e o coração são dois poderes criativos, sendo que a mente coordena (foca) e o coração executa. Eles têm que trabalhar em conjunto para criar algo.

Concluindo…Como somos partes de Deus, temos as mesmas capacidades que Ele/Ela. Como Deus é um criador, também somos criadores.

A essência de Deus é uma essência de Unidade, portanto nossa essência também é de Unidade. Mas estamos em uma dimensão de dualidade e portanto, nossa essência de Unidade está dividida em duas partes.

Então para ativar o nosso poder de criação, temos que juntar estas duas partes, para que juntas, sejam uma Unidade (essência de Deus). E quais são as 2 partes que tem que estar juntas? Mente e Coração!!!

Portanto, para usar o seu poder de criação, você tem que alinhar a sua mente e o seu coração. Ambos têm que estar perfeitamente sintonizados com o que você quer Ser, Ter ou Fazer. Para sintonizar mente e coração, basta pensar/visualizar/focar-te (mente) e sentir (coração) ao mesmo tempo. Visualize e sinta exatamente como se o seu desejo já fosse real aqui e agora, sem julgar o que você está criando.

Você está, durante todos os momentos da sua vida, co-criando todas as situações do seu dia a dia. Você faz isto através dos pensamentos e emoções que você tem. Cada combinação entre pensamento e emoção cria algo, sem exceção. O problema é que estamos sempre co-criando aleatoriamente.

Co-criar aleatoriamente gera experiências aleatórias, mas o que acontece com mais frequência é co-criarmos todos os dias a mesma coisa, o que gera a sensação de que a vida não progride e que está sempre igual. É porque você está sempre co-criando mais do mesmo.

Mude os seus pensamentos e a sua vida mudará completamente. Você está no comando, mesmo que pareça que não está.

Um outro problema de co-criar aleatoriamente é que você desperdiça tempo e energia para gerar as mesmas experiências repetidamente. E muitas vezes são experiências negativas.

Quando alguém convence você de alguma coisa, esta pessoa está fazendo com que você co-crie aquilo de que esta pessoa te convenceu e isto torna-se a sua realidade. E aí você pensa: “É verdade, ele/ela tinha razão”, mas o que aconteceu foi que você co-criou o que foi sugerido. A TV usa muito esta estratégia muito bem disfarçada, das mais diversas maneiras que você acaba nem notando.

Por isto, ao ver TV ou filmes ou notícias, você está sendo manipulado(a) sem ter a mínima noção disto.

O resultado é que você acaba por alterar a sua forma de pensar, a sua forma de interpretar as coisas em todos os níveis e além disto tudo, você acaba por co-criar algo que pode ser negativo para você, mas que é muito lucrativo para algumas empresas…

Aquilo em que você realmente acredita que seja verdade, você torna verdade através das vibrações (pensamentos + emoções) emitidas.

Cada pensamento enviado ao Universo gera resultados e você recebe exatamente o que você enviou. Funciona como um bumerangue: vai e volta. Você pode usar o seu bumerangue aleatoriamente ou você pode usá-lo a seu favor e para o seu benefício, a escolha é sua.

No evangelho de São Tomás (Thomas), na frase numerada com o número 106, diz: “Quando você torna os dois (pensamento e emoção) em um… Ao dizer ‘montanha mova-se’, a montanha se moverá”.

Também no evangelho de São Tomás (Thomas), na frase numerada com o número 48, diz: “Se os dois (pensamento e emoção) estiverem em paz nesta casa (corpo)… Se eles disserem à montanha: ‘mova-se’, a montanha se moverá”.

O profeta Neville, em seu livro “O Poder da Consciência”, diz: “Você tem que tornar o seu sonho futuro um fato presente sentindo a emoção do seu desejo já satisfeito”.

COMO UTILIZÁ-LA ?

Como as co-criações são uma lei universal, elas estão sempre ativas e disponíveis e todos a utilizamos o tempo todo, desde o nascimento até a morte.

Não só os seres humanos a utilizam, como também os animais, plantas e micróbios. Não temos consciência de que a utilizamos pois a utilizamos automaticamente, sem saber. São as “coincidências” que nos ocorrem.

Co-criar é muito simples e fácil, mas é necessário muito treino para co-criar conscientemente (propositadamente).

DICA IMPORTANTE – 01:

Para você treinar, inicie com algo extremamente simples, que você saiba que é facílimo de se obter, mas que não seja algo 100% garantido de se obter, senão você vai ficar com a sensação de que você obteria independentemente de co-criar ou não. Depois de você obter algumas coisas simples, vá passando para algo maior. É importantíssimo você acreditar que é mesmo possível você obter o que você quer, caso contrário não dá resultados. E não desista se inicialmente você não obtiver sucesso.

A primeira coisa a fazer é escolher um desejo que você queira que seja realizado. Pode ser qualquer coisa que você deseje ser ou ter ou fazer. Embora não seja obrigatório, é importantíssimo pensar bem no que se quer.

Faça as seguintes perguntas a você mesmo(a):

  • O que eu realmente quero ?
  • Porque eu quero isto ?
  • Faz sentido desejar isto ?
  • A realização do meu desejo vai me beneficiar sem prejudicar ninguém ?
  • Será que não desejo isto apenas por capricho (desejo vazio) ou obsessão ?
  • Meu coração fica alegre quando penso no meu desejo realizado ?
  • Será que preciso mesmo disto ?

Vá direto ao assunto. Escolha o que você realmente quer. Se você quer um carro, deseje o carro e não o dinheiro para comprá-lo, mas se você quer mais liberdade financeira, aí sim deseje ter mais dinheiro. Seja preciso(o) e exato(a).

As perguntas acima servem para eliminar desejos idiotas, vazios e sem sentido. Assim você não desperdiça o seu tempo obtendo lixo (inutilidades). Um exemplo são coisas que se obtém e jamais se usa. Então para que ter? Outro exemplo é desejar ser alguém que não tem nada a ver contigo, só para ser aceito(a) ou admirado(a) pelos outros, e neste caso você acaba por se sentir mal por estar sendo alguém que não é você.

Depois de escolhido o desejo, basta seguir os seguintes passos:

1º passo: Iniciar a Co-criação (é sua função)
2º passo: Realizar (é função do Universo / Deus / Eu Superior)
3º passo: Receber (é sua função também)

1º Passo: INICIAR A CO-CRIAÇÃO

Iniciar a co-criação é algo fácil e divertido. Há várias formas de iniciar a sua co-criação:

1) Relaxar, fechar os olhos e visualizar (imaginar, mentalizar) o seu desejo já realizado. O cérebro não diferencia uma experiência real de uma experiência imaginada em detalhes. Albert Einstein disse: “Imaginação é tudo. É uma amostra do que está sendo atraído para a sua vida”.

2) Escrever o desejo em um papel e lê-lo de vez em quando. Pode-se adicionar novos detalhes que enriqueçam cada vez mais o desejo, de forma a torná-lo cada vez mais próximo daquilo que você realmente quer. Utilize frases que indiquem que o que você deseja já se realizou, que é real aqui e agora. Se você puder ler em voz alta, melhor ainda, pois a sua própria voz é muito bem recebida por você mesmo(a) e além disto, você torna o que você diz mais real, mais físico, mais palpável quando você diz em voz alta.

3) Ter um quadro de cortiça com figuras (de revistas ou impressas da internet) que representem o seu desejo já realizado. Isto ajuda bastante para quem tem dificuldades em visualizar.

DICA IMPORTANTE – 02:

Utilize o máximo de detalhes que você conseguir. Por exemplo, se você deseja uma casa, então visualize a casa, a cor exterior, as cores interiores de cada um dos espaços, o cheiro da casa, a vista que você tem da janela, ande pela casa, entre no banheiro, tome banho, durma na cama, entre e saia da casa. Veja, ouça, sinta o cheiro, sinta-te bem na casa. Quanto mais detalhes você adicionar, melhor. Não há limites. Mas você tem que se divertir enquanto você co-cria. Você tem que sentir como se fosse uma brincadeira e não como uma obrigação.

E quantas vezes tenho que iniciar minha co-criação (pensar no meu pedido) ? É necessário reforçá-la?

Não há nenhuma regra quanto à quantidade de vezes que você tem que pensar no seu pedido. Você pode se concentrar nele apenas uma vez ou você pode se concentrar nele várias vezes.

Se você se concentrar nele apenas uma única vez, mas de forma clara, intensa e nítida, já é o suficiente, e neste caso, você pode co-criar e esquecer. Caso você crie e esqueça, um dia você vai notar que você recebeu algo que você tinha pedido, e que você recebeu no momento perfeito.

No vídeo “The Secret Behind The Secret”, Abraham disse que bastam 68 segundos para que o Universo receba, aceite e comece a trabalhar com o seu novo desejo. Mas tem que ser 68 segundos de concentração (foco) total, completa e absoluta (concentração significa atenção e não tensão). Nestes 68 segundos só existe o seu desejo e nada mais. Você tem que realmente sentir que você já tem o que você quer.

Não é necessário mais que uma única vez, mas não há mal nenhum em pensar nele todos os dias, contanto que você não insira dúvidas ou incertezas ou inseguranças, pois se você fizer isto, você estará bloqueando ou até mesmo anulando a realização do seu desejo. Você é como uma lanterna, que ilumina a direção para onde é direcionada, mas ao invés de iluminar, você cria ou atrai aquilo que estiver no seu foco atual.

Se o seu foco for dúvida e insegurança quanto à realização do seu desejo, é à duvida e à insegurança que você está fornecendo energia ao invés de continuar fornecendo energia à concretização do seu desejo.

Algo essencial quando se quer atrair algo é não ter resistências relativas ao seu desejo. Resistência é a crença de que:

  • O que você quer não é possível.
  • O que você quer é altamente improvável de ocorrer.
  • Pela experiência que você tem, não parece que o seu desejo vá ocorrer.
  • Pelo tempo que já passou, tudo indica que o seu desejo não se realizou e não vai se realizar.

Estas são resistências que devem ser eliminadas. São limitações que você criou. São barreiras que você criou e portanto você pode facilmente removê-las. Remover dúvidas da sua mente é essencial.
DICA IMPORTANTE – 03:

Imediatamente após você co-criar, agradeça por você já ter o seu desejo realizado. Era exatamente isto que Jesus fazia. É o que se chama “dar graças”. Isto é algo extremamente importante, pois como você já obteve o que você queria, faz todo sentido agradecer. Se você não agradece por pensar que ainda não se realizou, é porque você não está seguro (confiante) da realização do desejo e isto pode acabar sabotando a realização do desejo. Se você conseguir se sentir verdadeiramente agradecido(a) pela realização do desejo, é sinal que você está no caminho certo e o seu desejo vai mesmo se realizar.
DICA IMPORTANTE – 04:

Sempre que possível, determine uma data específica ou uma data limite para a realização. Não é necessário que seja algo exato. Você pode definir o mês e o ano e não especificar o dia. Podes também determinar que seja na próxima semana, sem definir o dia exato. E neste caso, você inclui a data (ou período) escolhida na visualização da co-criação. Uma opção também seria definir que o resultado seja obtido no momento exato e perfeito da sua vida e assim você garante que você não recebe algo sem estar preparado(a).
DICA IMPORTANTE – 05:

Nunca comente com ninguém sobre a sua co-criação. O motivo disto é que a pessoa com quem você falasse ficaria atenta para ver se a sua co-criação se realiza e vai, de vez em quando perguntar: “E então, você já conseguiu o que você queria ?”. Suponhamos que a pessoa pergunte e a co-criação ainda não tenha se realizado. Neste caso vais dizer “não” e a pessoa vai dizer a você: “Isto não funciona.” ou “Acho que você não vai conseguir” ou qualquer outra frase negativa. Além disto, você vai se sentir pressionado(a) para provar que você consegue. E mesmo que você receba o que você pediu, as pessoas vão dizer que foi coincidência. Todas estas coisas boicotam (sabotam) a sua co-criação.

Pontos fundamentais do 1º passo: Foco, atenção, vontade, concentração, realmente acreditar.

2º Passo: REALIZAR

Este passo é a realização efetiva no campo de energia universal. Neste momento, aquilo que você co-criou, já existe em um nível não físico. É como o projeto de uma casa feito em papel. O projeto já está terminado e à partir de agora ele será colocado em prática no plano físico.

Quando você dá início a uma co-criação, o que ocorre é que o Universo, juntamente com o seu Eu Superior (sua alma), iniciam a definição das circunstâncias e dos eventos para a sua realização. De qualquer forma, aquilo que você está co-criando é primeiramente criado em um nível invisível.

A vantagem de levar um tempo para a sua concretização é que, você tem tempo para alterar, adaptar ou cancelar o seu desejo, caso você queira (decida).

Mas de qualquer forma, este passo não tem nada a ver com você, portanto você não pode ajudar. Então qualquer tentativa sua de ajudar só vai atrapalhar ou restringir ou dificultar ou anular a sua co-criação.

Mas cuidado. Não é a sua função realizar, mas isto não significa que você tenha que te esforçar para não fazer nada. Cuidado com as interpretações erradas. Por exemplo, suponhamos que o seu desejo seja ter um novo relacionamento. Se você ficar o tempo todo fugindo das candidatas(os) por pensar que não é sua função iniciar o relacionamento, você estará bloqueando todos os possíveis relacionamentos perfeitos.

Se o seu desejo for ganhar um prémio na Loteria e você não jogar, é óbvio que você não vai ganhar. Você tem que fazer a sua parte. A sua parte restringe-se apenas aos requisitos mínimos necessários. É não tentar ajudar, mas também não bloquear o que estiver fluindo para você. Um bom exemplo disto é uma pessoa que não sabe cozinhar, mas quer comer uma comidinha muito boa. Neste caso pede a alguém para preparar a comida. Este pedido é o requisito mínimo necessário. E como a pessoa que pediu não sabe cozinhar, se tentar ajudar só vai atrapalhar.

Quando se tenta ajudar o Universo (Deus/Eu Superior) a realizar o seu desejo, geralmente o que se acaba fazendo é restringir as possibilidades. Portanto simplesmente confie. É uma questão de entrega e confiança. O Universo (Deus) é infinitamente poderoso e criativo. Para Ele/Ela, nada é impossível. O Universo nunca falha. Ele sempre cumpre a parte dele. Se alguma coisa der errado, a falha é sempre sua e não do Universo. Além disto, todos os desejos são realizados com esforço zero. Para Deus não há diferença nenhuma entre mover um grão de pó ou mover uma montanha.

No livro “A força da Intenção” (Wayne Dyer), diz-se: “Na intenção, o espírito trabalhará para você”

Pontos fundamentais do 2º passo: Acreditar, confiar e entregar.

3º Passo: RECEBER

Este é um passo tão importante como o de iniciar a co-criação. Receber significa ficar em modo receptivo. Modo receptivo não significa estar em modo de ansiedade (tensão) e nem em modo de cobrança. Não é ficar constantemente verificando se você já está recebendo ou não. Ansiedade ou cobrança só servem para bloquear ou anular a sua co-criação. A cada vez que você se foca em “Ainda não recebi o que eu co-criei”, o que você está fazendo é anular a sua co-criação. Não se esqueça que você cria aquilo em que você coloca a sua atenção.

Se você coloca a sua atenção em “Que merda, porque ainda não recebi ?”, a mensagem que você está enviando ao Universo é “Meu novo pedido é: não receber, pois é nisto que eu tenho a minha atenção”, e como é óbvio, é isto que você esta co-criando e é isto que você vai receber, isto é, você vai receber um “não receber”…

O segredo é iniciar a co-criação, acreditar, confiar e estar em modo receptivo, isto é, em modo passivo, aberta a todas as possibilidades que possam surgir, sem ansiedade nenhuma, mesmo que tudo indique que você não vai conseguir o que você quer. Mantenha o foco direcionado ao seu desejo, incondicionalmente, mas sem gerar tensão ou ansiedade. Seja como um rio que flui ininterruptamente e que desgasta as rochas por onde passa. Mesmo sendo a água tão mole e a rocha tão dura, a água nunca desiste e portanto consegue moldar a rocha ao seu fluxo.

Mas “não desistir” não tem nada a ver com obsessão. É apenas manter o foco e consequentemente continuar confirmando que você continua esperando receber.

No livro “A força da Intenção” (Wayne Dyer), diz-se: “Tudo o que vocês pedirem em oração, acreditem que já o receberam e assim será”.

Há um detalhe IMPORTANTÍSSIMO que você tem que ter em mente: tanto no momento em que você inicia a co-criação, quanto no momento em que você está receptivo(a), o seu foco deve estar sempre em: “Meu desejo já se realizou”. Nunca pense “eu quero isto”.

A sua atenção (foco), seus pensamentos, suas visualizações, devem estar sempre em: “Eu já tenho isto aqui e agora”. Portanto você tem que imaginar e sentir como se você já tivesse mesmo o que você deseja. Imagine e sinta que você já o tem aqui e agora. Sentir é fundamental.

Pode ser que no início você tenha dificuldades com:

  • Imaginar ou visualizar
  • Manter o foco por algum tempo
  • Sentir o desejo realizado. Este “sentir” é uma emoção, é uma satisfação, é um bem estar. Se você tiver dificuldades no início, isto é normal. É por isto que é necessário treino.

DICA IMPORTANTE – 06:

À partir do momento que você passar pelo 1o passo (iniciar a co-criação), você passa imediatamente para o 3o passo (receber). O tempo de duração do 2o passo é zero. Deus cria tudo instantaneamente, portanto não precisa de tempo. O 2o passo só foi descrito para você entendercomo funciona, mas você pode ignorá-lo, pois não é a sua função pensar nele. Co-crie e já fique em modo receptivo.
Pontos fundamentais do 3º passo: Estar em modo receptivo, deixar fluir, acreditar, confiar, permitir

Resumo dos 3 passos: Co-crie; Confie ; Permaneça Receptivo(a).
PERGUNTAS E RESPOSTAS

1) Posso co-criar para outra pessoa ?

Não. Isto não é possível. Cada pessoa só pode co-criar para si mesma. É uma questão de livre arbítrio. Pode-se co-criar para obter uma situação que beneficie também outras pessoas, mas é uma co-criação sua que afeta a você em primeiro lugar. A essência disto é que ninguém pode impor algo a outra pessoa, pois não se pode anular o livre arbítrio de outra pessoa. Tudo o que enviamos, volta para nós. Se você envia algo positivo, recebe algo positivo e vice-versa.

2) Se as pessoas podem obter tudo o que quiserem com as co-criações, porque ninguém as utiliza ?

Em primeiro lugar, todas as pessoas co-criam durante toda a vida, mesmo não tendo consciência disto, e neste caso é uma co-criação inconsciente, automática e aleatória, sem saber que estão co-criando.

Mas relativamente a co-criações conscientes (propositadas, intencionais), como foram ensinadas neste manual (curso), o que acontece é que a maioria das pessoas não sabem que isto existe. As pessoas que sabem, não sabem precisamente como se faz. As pessoas que sabem precisamente, provavelmente não acreditam nos conceitos básicos explicados neste texto e assim acabam nunca experimentando ou experimentam umas poucas vezes e se não tiverem resultados positivos, logo esquecem.

Como é algo que não se ensina nas escolas e nem aparece em jornais ou revistas ou TV, é algo que acaba não fazendo parte do conhecimento das pessoas. Você tem duas opções, que são: Esperar que algum dia se ensine co-criações oficialmente nas escolas (provavelmente você já terá morrido antes disto) ou experimentar por você mesmo(a). É uma escolha sua…

3) Eu co-criei e não obtive resultados. O que aconteceu ?

Todas as co-criações geram resultados. Portanto se você não está obtendo resultados é porque você está fazendo alguma coisa de errado.

Possíveis causas:

• Você está se focando (concentrando) com a mente, mas você não está sentindo com o coração.

• Você deixou o momento de receber em aberto, isto é, você não definiu quando o seu desejo deve se realizar. Verifique se é esta a situação e se for, defina uma data limite que você realmente acredite ser possível obter o que você quer.

• Você está inseguro(a) ou com dúvidas ou você não está acreditando que vai receber o que você criou. É importante deixar bem claro que o que você criou pode ainda não existir fisicamente, mas está a caminho. Não se esqueça de que você está criando algo novo. Só por ainda não estar vendo os resultados não significa que eles não virão. Há uma analogia perfeita para esta situação: Quando você decide fazer uma viagem e você já está no meio do caminho, você pode pensar: “Não cheguei ao meu destino”, e isto é verdade, mas é motivo para você voltar para casa por causa disto ? Você sabe que chegar ao destino é só uma questão de tempo e portanto você continua caminhando para o seu destino. Da mesma forma, se o seu desejo ainda não se realizou, significa que ele ainda está a caminho. Se você passar a acreditar que ele não vai se realizar, você está anulando-o. É como na analogia da viagem, você voltar para casa.

• Você está ansioso(a). Muito cuidado com a ansiedade, pois ao sentir ansiedade, você está dizendo a você mesmo(a): “Neste momento não tenho o que eu criei”, e o resultado disto é que você está anulando a sua criação (acreditar e confiar é essencial). Isto se resolve com treino. É por isto que é importante você iniciar com criações pequenas para você ter confiança em você mesmo(a).

4) Como posso maximizar o meu poder de co-criação ?

Primeiramente, como qualquer outra coisa na vida, treinar bastante é fundamental. Quanto mais você treinar, mais você vai confiar em você mesmo(a). Chega um momento em que você começa a co-criar automaticamente, pois já você tem total confiança no processo e já o integrou em você mesmo(a).

Em segundo lugar, se imediatamente antes de co-criar, você fizer alguns minutos de meditação para acalmar a mente e eliminar todos os pensamentos, isto vai fazer com que você tenha toda a sua energia e foco disponíveis para a sua co-criação e isto vai aumentar muito a eficiência da co-criação.

Procure sempre se sentir muito bem antes de iniciar a sua co-criação. Se necessário, pense em algum momento muito feliz da sua vida ou coloque uma música que te faças sentir muito bem.

Se conseguir estar em sintonia com o seu Eu Superior também aumenta muito a eficiência das co-criações. Como tudo no universo está conectado, então você também está conectado(a) à aquilo que você deseja, e portanto, se você disser mentalmente (em voz alta é melhor): “Eu sou [seu desejo]”, você vai intensificar ainda mais a sua co-criação, pois ao fazer isto, você está fortalecendo a ligação entre você e a sua criação.

Exemplos: “Eu sou paz”, “Eu sou harmonia”, “Eu sou milionário(a)”, “Eu sou saudável”, “Eu sou um relacionamento perfeito”, etc. Adapte o seu desejo à declaração. E não se esqueça de sentir ao mesmo tempo em que você pronuncia a frase.
5) É possível curar-me utilizando uma co-criação ?

Sim. Você tem o mesmo poder que Deus tem. Foi exatamente isto que foi feito em um hospital na China e um câncer foi curado em 2 minutos. É claro que quando você está doente é mais difícil co-criar, pois você está se sentindo mal, e é por isto que é muito importante praticar, assim você consegue facilmente se focar por um momento na cura e co-criar saúde perfeita. É só uma questão de treino, confiança e entrega.

6) Como é que eu posso saber se os meus pensamentos estão alinhados com o meu desejo ?

É muito simples. Basta ter em atenção a emoção que você sente quanto pensa no seu desejo. Se você se sente bem, estes pensamentos estão em alinhamento com o seu desejo, mas se você se sente mal, os teus pensamentos não estão alinhados com o seu desejo. Ver “Complemento 02 – Escala das Emoções”, mais abaixo.

No vídeo “O Segredo”, diz: “O que quer que você estiver sentindo, é um reflexo perfeito do que está a caminho de se manifestar”.

Outra frase do vídeo “O Segredo”: “O que você pensa, o que você sente e o que se manifesta estão sempre alinhados, sempre, sem exceções”.

7) Esta não é uma pergunta. É uma lista-resumo dos itens essenciais em uma co- criação. Você pode ler esta lista a cada co-criação que você queira fazer:

Sou uma parte de Deus. Então como Deus é um criador, eu sou um co-criador;

Minhas co-criações são ativadas pelo alinhamento entre minha mente (pensamento) e meu coração (emoção), ambos concentrados (focados) em minhas co-criações;

Eu inicio com co-criações pequenas e simples;

Quanto mais eu treino, minhas co-criações tornam-se mais fáceis e mais simples;

Eu acredito no meu poder de co-criar;

Eu sigo estes passos:

a) Inicio minha co-criação como uma brincadeira, com muito bom humor, paz, harmonia e alegria;

b) Escolhi exatamente o que eu quero, nos mínimos detalhes;

c) Relaxo completamente minha mente e minhas emoções;

d) Inicio minha co-criação com foco, vontade e concentração. Neste momento só existe minha co-criação. Co-crio aqui e agora, por alguns minutos;

e) Imagino e visualizo com o máximo de detalhes, aqui e agora;

f) Tenho em mente a data ou o período perfeito para sua manifestação física;

g) Agradeço pelo que acabei de receber aqui e agora;

h) Recebi o que co-criei: confio, deixo fluir, entrego e mantenho-me receptivo(a);

i) Mantenho-me livre de resistências, dúvidas e inseguranças;

j) Esta é a minha co-criação particular, por isto não comento com ninguém;

k) Eu e a realização da minha co-criação somos um só.

l) Minha co-criação está completa !!!

(Fonte: O Despertar de Gaia)

#claudialinsoficial

Onde Está a Cura

Há vários anos venho pesquisando sobre o assunto.
“Não se pode compreender o ser humano senão de forma integral. Hoje já é totalmente difundido que a doença caracteriza a falta do perfeito equilíbrio e da unidade plena do espírito e que o sintoma físico é a sua expressão. Tanto a psicologia quanto a medicina estão alcançando o fato de que não existe separação entre mente e corpo. A psicossomatização, portanto, pode ser empregada para qualquer tipo de sintoma: físico, emocional, psíquico ou comportamental. Psicossomática é “uma reação temporária provocada por um acontecimento muito forte na vida do indivíduo e que o tenha deixado em estado de choque, ao ponto do organismo preparar uma resposta orgânica simbólica, ou seja, adoecer. Essa resposta significa uma forma inconsciente de auto-proteção.” (dicionário informal ). Aqui são formados os padrões e programas negativos que buscamos limpar, as memórias que ficam se repetindo no Unihipili.
Wilhelm Reich (psiquiatra e grande revolucionário da psicologia) afirmou em suas teorias que o soma (relativo a corpo humano) influencia a psique (alma, espírito), assim como a psique condiciona o soma. Entre outras coisas: a energia biológica governa tanto o psíquico quanto o somático. Há uma unidade fundamental.
O Dr. Deepak Chopra, famoso cardiologista que ensina seus pacientes a meditar, diz que: “Somos as únicas criaturas na face da terra capazes de mudar nossa biologia pelo que pensamos e sentimos! Nossas células estão constantemente bisbilhotando nossos pensamentos e sendo modificadas por eles.”
Louise Hay afirmava categoricamente que “criamos as ‘doenças’ do nosso corpo. Ele, como tudo o mais na vida, é um reflexo dos nossos pensamentos e crenças interiores. O corpo está sempre falando conosco, só precisamos parar para ouvi-lo. Cada célula sua reage a cada pensamento que você tem e cada palavra que fala.”

Alguns significados de doenças que ela cita em seu livro ‘Você Pode Curar Sua vida’:

Dores de cabeça – resultam da falta de autovalorização. Na próxima vez em que você tiver uma dor de cabeça, pergunte-se em que acha que errou. Perdoe-se, deixe o erro ir e a dor de cabeça se dissolverá no nada, que é de onde ela veio. Enxaquecas são criadas por pessoas que querem ser perfeitas e criam muita pressão em torno de si. Há muito de raiva reprimida envolvida.

Estômago – o estômago digere todas as novas ideias e experiências que temos. O que seu estômago aceita e não aceita? O que lhe dá um nó no estômago? Quando temos perturbações no estômago, geralmente significa que não sabemos como assimilar a nova experiência. Sentimos medo dela.

Joelhos – como o pescoço, têm a ver com a flexibilidade e expressam o orgulho, o EGO e a teimosia. Muitas vezes, ao irmos em frente, ficamos com medo de sermos obrigados a nos dobrar. Desejamos mudar, mas não queremos modificar nossas atitudes. Isso leva à inflexibilidade e causa o enrijecimento das articulações. De todas as nossas juntas, a mais difícil de sarar quando atingida é o joelho, pois nele sempre há o envolvimento do EGO e do orgulho. Na próxima vez em que você tiver um problema no joelho, pergunte-se onde está sendo teimoso, onde está se recusando a dobrar. Abandone essa inflexibilidade. A vida é fluxo, é movimento e, para nos sentirmos bem, temos de ser flexíveis e nos movimentar com ela.

Pele – representa nossa individualidade. Problemas de pele geralmente significam que achamos que nossa individualidade está sendo ameaçada de alguma forma. Sentimos que outros têm poder sobre nós. Um dos modos mais rápidos de curar problemas de pele é se nutrir dizendo mentalmente centenas de vezes por dia: “Eu me aprovo”. Retome o seu próprio poder.

Acidentes – Não são acidentes. Como tudo mais em nossa vida, nós os criamos. Não é que digamos: “Quero sofrer um acidente”, mas o fato é que temos padrões de pensamento que podem atrair acidentes para nós. Há pessoas que parecem ter ‘tendência para acidentes’, enquanto outras passam a vida inteira sem nem mesmo um arranhão. Acidentes são expressões de raiva. Indicam frustrações represadas diante da sensação de não ter a liberdade de falar por si. Eles também indicam rebelião contra a autoridade. Ficamos tão furiosos que queremos atingir alguém e, em vez disso, nós é que somos atingidos. Em certas ocasiões, quando ficamos com raiva de nós mesmos, quando nos sentimos culpados, quando achamos que merecemos castigo, criamos um acidente, que é um modo formidável de lidar com tudo isso. Na aparência, fomos vítimas indefesas do destino, mas um acidente nos permite recebermos compaixão e atenção, termos nossos ferimentos tratados e ficarmos de cama, às vezes por um longo tempo. E mais, ganhamos a dor.

Excesso de peso – representa a necessidade de proteção. Procuramos proteção contra mágoas, desdém, crítica, maus-tratos e questões relacionadas à sexualidade, procuramos proteção por termos medo da vida tanto em geral como num aspecto específico. Em geral, mesmo pessoas que não têm tendência a gordura, quando estão se sentindo inseguras e pouco à vontade engordam alguns quilos. Quando a “ameaça” desaparece, o excesso de peso vai embora por si. Lutar contra a gordura é perda de tempo e energia. Dietas, quando se para de fazê-las, o peso sobe de novo. O melhor regime, portanto, é amar-se a aprovar-se, confiando no processo da vida e sentindo-se seguro por conhecer o poder da própria mente. Entre numa dieta que corta todos os pensamentos negativos e seu peso cuidará de si mesmo.

Dor – de qualquer tipo é indicação de culpa. A culpa sempre procura o castigo e o castigo cria a dor. Dores crônicas têm origem em culpas crônicas, às vezes tão profundamente sepultadas que nem temos mais consciência delas. A culpa é uma emoção completamente inútil. Nunca faz alguém se sentir bem nem muda uma situação. Sua “sentença” agora terminou, portanto deixe-se sair da prisão. Perdoar é tão somente abandonar, solar, deixar ir.

Rins – é indicação de que a pessoa está passando por qualquer tipo de crítica, desapontamento ou fracasso. Indica também vergonha. A pessoa está reagindo como uma criança. Problemas nos rins podem indicar medos, de qualquer ordem. Um novo padrão de pensamento pode ser: “A Divina Ação Certa está sempre acontecendo em minha vida. Só o bem vem de cada experiência. É seguro crescer.”

Finalizando, os sintomas podem variar a sua etiologia (o estudo das causas): aspectos cármicos, biológicos ou emocionais, mas conforme vemos, tratar somente do sintoma de qualquer doença, sem considerar o desequilíbrio que o originou, é nada mais nada menos que transferir para mais tarde a solução do problema, no caso aqui a doença no nível do corpo.
Na visão espiritualista, o campo de purificação mais apropriado e de maior possibilidade em ser atendido, é o utilizado pelo espírito – é a Consciência. E é por isso que o Ho’oponopono, bem como as tecnologias utilizadas pela Kabbalah funcionam.

É fato:
Pensamento cria!
Consciência é tudo!
Para mudar a realidade, temos que mudar a nossa consciência!

Sinto muito por todas as memórias acumuladas ao longo do tempo!
Me perdoe, me perdoo por todas as memórias acumuladas ao longo do tempo!
Te amo, me amo incondicionalmente!
Agradeço por tudo em mim e na minha vida!

Queridas memórias eu amo vocês! Sou grata pela oportunidade de libertar vocês e à mim.”

Paz do Eu!

#claudialinsoficial